Cultura

Circuito de Dança urbana agrada em Paranaíba

A quadra de esportes da escola Estadual José Garcia Leal foi palco para o espetáculo Plagium? da Companhia Dançaurbana

Postado em 24 de OUTUBRO de 2016 às 13:55
Divulgação
Foi realizado um workshop com vivências em técnicas de danças urbanas

Por Roberto Chamorro

Paranaíba foi contemplada com a chegada da caravana do Circuito Dança do Mato na sexta-feira (21). Dois espetáculos, Plagium? da companhia Dançaurbana e Matilha do Grupo Expressão de Rua, impressionaram o público ávido por cultura. Também foi realizado um workshop com vivências em técnicas de danças urbanas.

Ao cair da tarde e ao ar livre no Espelho D’água, um lugar de lazer e entretenimento da cidade, “Matilha” do grupo Expressão de Rua foi apresentado incitando os instintos mais selvagens com a dança e extravasando no improviso na performance de cinco bailarinos.

 “Meus instintos ficam mais aguçados, é uma relação de amor e ódio, conflito de liderança”, disse o bailarino Reginaldo Borges, 28 anos e há 13 atuando na dança.

 Assim que o espetáculo era apresentado uma bola passou durante a apresentação, Borges falou como é atuar ao ar livre, “o desafio é manter o foco, manter o equilíbrio numa situação dessas, mas também possibilita mais improvisação, por que tem mais estímulos e há também o público que está mais próximo e a gente tem que saber lidar com isso”, explica.

Ainda no começo da tarde foi realizada uma vivência em práticas de danças. A sala de aula da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) ficou pequena para os 21 participantes que aproveitaram ao máximo o aprendizado com uma aula de duas horas e com muita prática dada pelos ministrantes, Thiago Mendes, Rose Mendonça e Roger Pacheco.

 Esse inclusive é um dos objetivos do Circuito Dança no Mato, que além de difundir a arte da dança no interior, também possibilita a formação na área, “é essencial a formação independente da vertente da dança, deveria ser mais aprofundada, mas a intenção já é válida”, avalia Thiago Mendes que é bailarino da Expressão de Rua e da Cia Dançaurbana e que também atua em projetos sociais.

A quadra de esportes da escola Estadual José Garcia Leal foi palco para o espetáculo Plagium? da Companhia Dançaurbana. Antes, houve apresentações locais com a Escola de Dança Balare, Grupo Fantasy Dance Crew e da professora de dança do ventre Evelin Santos.

Últimas Noticias
Agora na Capa
Carga horária

Agentes de endemias de Três Lagoas querem redução na jornada de trabalho

Plantão

19:25

Encontro

Presidente do PROS participa de debate sobre reforma da Previdência

18:47

Carga horária

Agentes de endemias de Três Lagoas querem redução na jornada de trabalho

18:09

Investimento

Senadores pedem liberação de licença para instalação de fábrica

17:43

Economia

Sebrae vai ajudar deputados na discussão da reforma tributária

17:32

Sebraejor

Sebrae promove integração com jornalistas em Três Lagoas

17:06

Feriadão

Vai pegar estrada no carnaval? Confira dicas de segurança

15:32

Imunização

Vacina contra a febre amarela volta a ser oferecida para toda população

+ notícias
Cultura
Sem folia

Prefeitura cancela Carnaval de rua e investirá dinheiro na saúde

Arte

Exposição Haitianos no Brasil será nesta terça-feira na Biblioteca Municipal

Prevenção

Órgãos se reúnem para discutir segurança no Carnaval de Rua

Arte

Parceria inédita leva ao Rio mostra de parte do acervo do Masp

Cinema

Filmes brasileiros batem recorde de lançamentos em 2016 e impulsionam mercado

Cinema

Oscar 2017 tem seis indicações para atores negros

Aniversário

São Paulo tem programação especial no aniversário de 463 anos; confira

ver +