Polícia

Mural de escola é queimado após alunos se irritarem com notas baixas

A Escola Estadual Professor Luiz Lopes de Carvalho está localizada no Bairro Santa Terezinha, em Três Lagoas

Postado em 04 de JANEIRO de 2017 às 12:30
Reprodução/TVC
Mural fixado na parede apresentada atestado de aprovação e reprovação de todos os estudantes

Por Kelly Martins

A Escola Estadual Professor Luiz Lopes de Carvalho, localizada no Bairro Santa Terezinha, em Três Lagoas, foi alvo de vandalismo. O crime teria sido supostamente praticado por dois alunos, que irritados com a nota baixa da prova final, atearam fogo no mural fixado na parede onde estavam os boletins de todos os estudantes da escola. O caso ocorreu nesta terça-feira (3). As informações são da diretoria da unidade escolar, que informou também que um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia da Polícia Civil.

Uma funcionária da escola ficou ferida no momento em que tentava apagar as chamas. Segundo a coordenação, ela sofreu queimaduras nas mãos, foi encaminhada para a Unidade de Pronto-Atendimento e passa bem. Como está em período de recesso escolar, apenas alguns servidores estavam no local, na ocasião. A escola foi inaugurada em março de 2014 e tem mais de 600 alunos, com as idades entre 12 e 18 anos.

A diretoria informou à reportagem que uma das medidas que deverá adotar é reforçar a segurança junto à Polícia Militar. O objetivo é que os policiais realizem mais patrulhamentos na região. Uma reunião deverá ser agendada ainda nesta semana para discutir o assunto. Isso porque essa não é a primeira vez que a escola é alvo de vandalismo. Salas de aulas já foram arrombadas e equipamentos da cantina furtados. Para evitar novos crimes, grades de segurança foram colocadas nas portas das salas e um agente patrimonial faz a vigilância no período noturno. 

Últimas Noticias