Economia

Senador diz que liberação de venda da UFN 3 representa vitória para Três Lagoas

Tribunal de Contas da União autorizou Petrobras vender fábrica de fertilizantes

Postado em 16 de MARÇO de 2017 às 16:42
Divulgação
Senador Pedro Chaves em reunião com o presidente do TCU

Por Ana Cristina Santos

O senador Pedro Chaves (PSC/MS) disse que a decisão do plenário do Tribunal de Contas da União (TCU), em autorizar a venda dos ativos da Petrobras representa uma vitória para Três Lagoas, já que a estatal poderá dar continuidade no processo de venda da fábrica de fertilizantes.

A venda dos ativos da empresa estava suspensa desde 7 de dezembro do ano passado, quando o TCU determinou a suspensão do processo, a fim de examinar os procedimentos adotados pela estatal.

O senador que desde janeiro fez gestões junto aos ministros do Tribunal para que a situação fosse resolvida, comemorou a decisão do TCU. “É uma vitória de Três Lagoas e de todo o Mato Grosso do Sul. Com a liberação, a Petrobras, que decidiu sair de vários setores onde atua para se concentrar somente na produção e comercialização de petróleo e gás, vai colocar a UFN-3 oficialmente à venda e dar continuidade às tratativas que vinha mantendo com grupos internacionais interessados em adquirir a fábrica. Os novos investidores concluirão as obras e iniciarão a produção, gerando empregos e riquezas para o nosso estado”, disse Pedro Chaves.

Ainda de acordo com o senador, o grupo que adquirir a UFN-3 assumirá também a responsabilidade de quitar as dívidas que o Consórcio deixou com diversos fornecedores de Três Lagoas. “Muitos pequenos e médios empresários da cidade, que forneciam produtos ou prestavam serviço durante a obra, simplesmente quebraram, provocando um prejuízo total estimado hoje em aproximadamente R$ 40 milhões. Tão logo seja definido o comprador vamos mobilizar a bancada e usar todo o poder político para pressioná-lo a pagar os débitos. Três Lagoas não aguenta mais esperar”, destacou o senador. (Com informações da assessoria do senador)

 

Últimas Noticias
Agora na Capa
Penalidade

Quem jogar lixo nas vias públicas pode ser multado em mais de R$ 400

Correios

Sem efetivo, 20 mil correspondências ficam acumuladas em Três Lagoas

Corre ou conta

Parque São Carlos é 'eleita' a pior escola de Três Lagoas

Trânsito

Seis novos semáforos entram em funcionamento até sexta-feira

Plantão

18:59

Corpo de Bombeiros e Marinha do Brasil

Marinha do Brasil ministra curso para bombeiros de Paranaíba e região

18:58

Artigo

2017/2018: o Biênio da Matemática no Brasil

17:40

Carne Fraca

Ministério da Agricultura recolhe amostra de produtos de frigorífico investigado

17:29

Penalidade

Quem jogar lixo nas vias públicas pode ser multado em mais de R$ 400

17:24

Legislação própria

Para presidente do Sinted, exclusão dos servidores da reforma da Previdência representa ‘golpe’

17:06

Investigação

Exportação de carne caiu após Operação Carne Fraca, diz Maggi

16:33

Furto

Uems em Paranaíba é invadida e furtada

+ notícias
Economia
Economia

Estados e municípios podem usar recursos do FGTS para pagar desapropriações

Economia

Preço da cebola cai e chuva e calor prejudicam produção de alface e cenoura

Leão

Mais de 4,2 milhões de contribuintes entregaram declaração do Imposto de Renda

Investigação

Ministério suspende exportação de 21 frigoríficos investigados na Carne Fraca

Agilidade

Petrobras quer retomar rapidamente processo de venda de ativos

Levantamento

Mais de 3 milhões de trabalhadores sacaram R$ 4,8 bi de contas inativas do FGTS

Em 2017

Três-lagoenses já pagaram R$ 29,2 milhões de impostos e aumento é de 16%

ver +