Rádios On-line
7868
PREFEITURA TL  MEU BAIRRO LIMPO

Assembleia homologará nova diretoria da Unimed

Apenas uma chapa inscreveu-se para concorrer à diretoria administrativa da Unimed de Três Lagoas

25 AGO 2012 - 10h:15Por Redação

Apenas uma chapa inscreveu-se para concorrer à diretoria administrativa da Unimed de Três Lagoas. Como não houve concorrência, no próximo dia 31 está prevista a realização de uma assembleia ordinária com a finalidade de apresentar os integrantes do conselho administrativo da cooperativa e homologação da chapa.

De acordo com o presidente da Unimed - o médico Edson Batista de Lima, que permanecerá à frente do cargo -, houve uma renovação de 30% dos integrantes que fazem parte da atual diretoria. “É uma chapa composta praticamente pelos mesmos membros da atual diretoria”, destacou.

Para Lima, o fato de não ter chapa concorrente é sinal de que está havendo boa aceitação pela maioria dos integrantes da cooperativa. “É bom quando acontece isso. Esperamos que a diretoria possa atingir os resultados econômicos e financeiros, além de proporcionar assistência aos usuários da Unimed, que é o nosso principal objetivo”, frisou.

O presidente da cooperativa informou que o foco da diretoria está em atender às necessidades relativas a problemas de saúde dos usuários, entretanto, disse que está havendo muita ingerência do Poder Judiciário através de ações impetradas contra a Unimed, o que tem causado certos prejuízos. Ele citou, como exemplo, que uma mulher conseguiu uma liminar para realizar um transplante de medula óssea no Hospital Albert Einstein, no valor de R$ 200 mil. “Quando ela fez o contrato com a Unimed, não foi comprado esse serviço. Sem contar que o Albert Einstein é o hospital mais caro. Não nos deram oportunidade de negociar com o hospital de Curitiba, que é 40% mais barato”, comentou.

O presidente da Unimed disse que a diretoria tentou conversar com os magistrados para buscar um equilíbrio para essa situação. Têm havido muitas situações em que a Unimed está tendo que arcar com as despesas. Não tem empresa e cooperativa que aguentem cacetadas como essa”, salientou.

Outro problema enfrentado pela Unimed local, segundo o médico, é o baixo número de usuários em Três Lagoas. Ao todo, 40 mil pessoas são atendidas pela operadora do plano de saúde, contudo, apenas 10 mil são da cidade.  Os demais usuários são dos municípios da região, que também são atendidos pela Unimed. “O problema de Três Lagoas é que a maioria dessas empresas que se instalaram aqui tem plano de saúde com outras Unimed do Brasil”, frisou.
 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
7201