Rádios On-line

Crianças criadas por mães e pais casados são mais inteligentes

Pesquisa sugere que o convívio com os dois pais nos primeiros anos de vida leva a criança a desenvolver mais células cerebrais

3 MAI 2013 - 15h:59Por Redação

Crianças que são criadas por dois pais casados crescem mais inteligentes do que aquelas criadas por apenas uma mãe ou pai solteiro. É o que mostram pesquisadores da University of Calgary, no Canadá.

A pesquisa sugere que o convívio com o pai e a mãe nos primeiros anos de vida leva a criança a desenvolver mais células cerebrais. No entanto, os benefícios variam entre os sexos.

Ser educado por ambos os pais levou meninos a ter melhor memória e funções de aprendizagem. Por outro lado, levou as meninas a desenvolverem uma melhor coordenação motora e sociabilidade.

Os cientistas estudaram filhotes de ratos que foram criados por pais casados ou solteiros descobriram que a produção de células no cérebro adulto pode ser desencadeada por experiências iniciais da vida.

"Nosso novo trabalho acrescenta evidências a um crescente corpo de conhecimento, que indica que, experiências iniciais na vida têm impacto duradouro e positivo sobre o funcionamento do cérebro adulto", afirma o autor sênior Samuel Weiss.

Surpreendentemente, as vantagens da dupla criação também foram passadas para outras gerações quando estes dois grupos se reproduziram, mesmo que a sua descendência tenha sido criada apenas por uma fêmea. As vantagens da dupla paternidade foram, assim, repassadas para a próxima geração.

A equipe acredita que a pesquisa fornece evidências de que, no modelo de rato, a paternidade e o ambiente impactam diretamente a produção de células do cérebro adulto. Embora não seja conhecido, neste ponto, é possível que efeitos semelhantes possam ser observados em outros mamíferos, tais como seres humanos.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13