Rádios On-line
11559

CUT propõe "agenda positiva" para evitar desemprego

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Arthur Henrique da Silva, considerou a reunião positiva

23 JAN 2009 - 06h:40Por Redação

Para enfrentar os impactos da crise econômica nos primeiros meses deste ano, o Grupo de Trabalho Anticrise do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), o chamado Conselhão, aprovou ontem (22) uma série de recomendações, como a manutenção da queda da taxa básica de juros (Selic), a desoneração de tributos para setores estratégicos e a redução do spread bancário (diferença entre o percentual que o banco paga ao cliente investidor e o que o cliente paga pelo empréstimo).
O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Arthur Henrique da Silva, considerou a reunião positiva e acredita que as propostas vão contribuir para a criação de uma “agenda positiva” de manutenção do emprego e renda e fortalecimento do mercado interno.
“Aprovamos um documento do conselho para recomendação ao presidente da República colocando essas questões como fundamentais para continuar trabalhando, no âmbito do conselho, na construção dessa agenda positiva”, disse Arthur Henrique.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13