Rádios On-line
11557

Distrito Federal tem maior gasto público por habitante

9 JAN 2009 - 06h:00Por Redação

Estudo do Instituo de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) estima que cada novo morador acresce R$ 564,64 ao gasto público dos estados brasileiros. E cada real produzido em um estado requer um aumento de 7,5 centavos de real em termos de gasto público estadual.
O Texto para Discussão "Custos de funcionamento das unidades federativas brasileiras e suas implicações sobre a criação de novos estados", do pesquisador do Ipea, Rogério Boueri, também aponta que o Distrito Federal é a unidade federativa na qual se observa o maior gasto por habitante na Federação (R$ 2.937 por habitante).
"Os casos extremos são o Acre, que compromete 37,27% do seu PIB com o funcionamento da máquina pública estadual, e, na posição oposta, São Paulo, Santa Catarina e Paraná, cujos gastos não atingem 8,51% do PIB", afirma Boueri.
A distribuição dos gastos públicos estaduais é bastante desigual na Federação brasileira, com variação de pouco mais de R$ 1 bilhão, em Roraima, a quase R$ 76 bilhões, em São Paulo.
No estado de Mato Grosso do Sul, segundo o estudo do Ipea, o gasto da máquina estatal por habitante é de R$ 1.832, considerando a população de 2,264 milhões. Com um PIB calculado em R$ 21,642 bilhões, o Estado gasta o equivalente a 19,17%, o que corresponde a uma despesa de R$ R$ 4,148 bilhões.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13