Rádios On-line
POLêMICA

Imagem de crianças com farda gera discussão na internet

Foto postada em página da PM de São Paulo deu início a uma polêmica no país

9 FEV 2016 - 11h:31Por Valdecir Cremon

A publicação da foto de uma criança fardada, segurando algemas e um cassetete na fanpage da Polícia Militar de São Paulo, na semana passada, provocou debate em redes sociais e se alastrou para o país. Em diversos Estados, a polêmica sobre vestir crianças com fardas ganha adeptos contra e a favor. 

A imagem, postada com a legenda "boa noite", recebeu críticas de internautas em pouco tempo. "Só faltou colocar um revólver na mão da criança", disse uma usuária do Facebook. No Instagram, após compartilhamento da imagem, uma pessoa escreveu: "Já vem com minispray de pimenta e bombinha de gás lacrimogêneo?",

Diversos especialistas em educação opinaram contra e a favor. A professora universitária Lucielena Canoves criticou o governo de São Paulo e a PM. "É uma forma de educação desvirtuada, que tira da criança o direito de brincar", disse. A mestre em formação escolar Maria de Lourdes Biancarllo Grotta apoia. "Cresci com militares dentro de minha casa. Por brincadeira e por incentivos de meus pais, usei fardinhas como esta em desfiles e em comemorações da Brigada Militar. Vi meus amigos e parentes crescerem assim e nenhum deles sofreu qualquer distúrbio ou prejuízo. Ao contrário, contribuiu em nossa formação de caráter", disse.

O policial Marcos do Val, famoso por ser integrante do grupo de elite Swat, dos Estados Unidos, e por postagens de ações policiais na internet, é taxativo: "vai ter publicações de fotos de crianças fardadas na internet sim! Vamos continuar edudando nossas crianças para serem homens de verdade, não bandidos", disse em um post.

Joseph Alves escreveu: "Professor, Policial e Bombeiro profissões que deveriam ser mais valorizadas pelo Governo e pela sociedade, são indispensáveis para um bom funcionamento de um país, mas, infelizmente, é quase impossível ver uma criança como essa aí!".

Após a confusão a foto foi deletada das redes sociais e o comando da Polícia Militar comentou, em nota, que a farda deveria ser motivo de orgulho para a sociedade. “A farda simboliza valores fundamentais para a comunidade, tais como: o patriotismo, a proteção, o civismo, a honestidade, a honra, a coragem e a dignidade humana”. 

Na página do Facebook, alguns foram favoráveis à publicação da foto. "Essa pode me prender. Linda foto, parabéns", escreveu uma internauta. "Linda, futura guerreira e colega de farda", "Linda! Excesso de fofura", diziam outros comentários. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ainda de acordo com a Polícia Militar do Estado de São Paulo, a imagem foi cedida pela mãe da criança.

 

QUER COMENTAR?

Deixe seu comentário abaixo.

Deixe seu Comentário