Rádios On-line
AGRONEGÓCIO

Pecuária de corte dá sinais de recuperação

No fechamento desta segunda feira, 29, poucas praças tiveram altas expressivas, mas mercado está otimista

30 OUT 2018 - 07h:37Por Éder Campos

A pouca oferta de animais acabados, proximidade do feriado de finados e o fato de que estamos no final do mês, são fatores que influenciam nas compras pelos frigoríficos que buscam reabastecer seus estoques. Isso reflete em melhores preços pagos aos pecuaristas, diminuindo a pressão de baixa e aumentando a valorização da arroba.
Nas praças que ainda têm ofertas de animais acabados, os preços pagos seguem em valores menores do que em regiões onde há falta desse tipo de mercadoria.
É o caso dos estados de Tocantins e Mato Grosso onde as ofertas do gado gordo são abundantes.
No estado de  São Paulo a arroba do boi gordo está cotada em R$ 148,00 à vista, sem o desconto do Funrural. A indústria frigorífica paulista está encontrando dificuldades para a compra quando oferta valores menores do que os de referência. As escalas estão curtas, máximo de 3 dias.
Operadores de mercado afirmam que há boa expectativa de aumento de demanda no consumo nos próximos dias em todo o país.

Aqui no Mato Grosso do Sul as cotações são as seguintes 

Fonte: Pro@ Consultoria

Deixe seu Comentário