Rádios On-line
JANEIRO ROXO

Brasil está entre os três países com maior número de casos de hanseníase

Dermatologista Daniela de Souza destacou a importância do diagnóstico precoce

28 JAN 2021 - 15h:30Por Ingrid Rocha/ Thais Cintra CBN

O Brasil registrou 312 mil casos de hanseníase nos últimos 10 anos e com isso o país está na segunda posição do ranking mundial da doença, atrás apenas da Índia. Segundo a dermatologista Daniela Souza, as pessoas acreditam que a doença nem existe mais e que o Janeiro Roxo vem para tentar conscientizar.

“A gente escuta isso as vezes: ‘Nossa, mas ainda existe essa doença? ’. Então o Janeiro Roxo vem para tentar lembrar as pessoas que isso existe e que precisa ser diagnosticado o quanto antes”, explicou a médica.

A busca por atendimento deve ser feita a partir do momento em que a pessoa perceber machas vermelhas ou brancas na pele, que tem alteração de sensibilidade, de acordo com a dermatologista. Confira a entrevista:

Deixe seu Comentário