Rádios On-line
GRANDE DIA

Doses da Coronavac serão distribuídas em MS ainda hoje

Estado confirmou mais de 158 mil vacinas contra a covid-19 nesta primeira fase prioritária

18 JAN 2021 - 19h:20Por Thais Cintra/ CBN

As 158 mil doses da vacina Coronavac finalmente chegaram em Mato Grosso do Sul nesta segunda-feira (18). A previsão conforme a Secretaria Estadual de Saúde (SES), é distribuir os lotes aos 79 municípios do Estado ainda hoje. Os imunizantes chegaram agora à tarde na Força Aera Brasileira (FAB), onde diversas autoridades estiveram pressentes. Ao todo, 158.760.000 mil doses serão distribuídas. 

De acordo com o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho, a logística de distribuição do imunizante em campo Grande, inicia a partir desta terça-feira (19). Conforme o secretário, as doses serão destinadas ao Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, Hospital Universitário e Santa Casa de Campo Grande. Às 09h, o Prefeito Marquinhos Trad abre nesta terça-feira (19) a campanha “Vacina Campo Grande” de imunização contra a covid-19, no Centro Regional de Saúde “Dr. Antônio Pereira”, localizado no bairro Tiradentes. 

Porta voz e “guardião” dos lotes de vacina trazidos de São Paulo, o secretário estadual de saúde, Geraldo Resende, se emocionou na ocasião e disse que o sentimento é de dever cumprido. “Estamos construindo um momento muito importante na saúde do Estado. Provamos que temos condições de fazer o enfrentamento à doença, apesar de todos os problemas durante a pandemia”, ressaltou.

Conforme o governador do Estado, Reinaldo Azambuja, Mato Grosso do Sul está na fila pelos lotes de vacina que irão imunizar o restante da população. “Reservamos recursos para comprar mais vacinas para quem não é do grupo de risco, mas é preciso respeitar a lista de prioritários como os enfermeiros, médicos e indígenas", enfatizou.

Azambuja destacou que R$100 milhões estão reservados para as outras doses, mas que não existe uma data exata de início para a imunização geral. “É difícil prever algo que não depende de nós. O Ministério da Saúde informou que estão prontas as vacinas aztrazenica e Oxford, mas ainda não compramos. O Butatatã fabrica milhões de doses por dia e apesar do esforço, não tem como saber o dia exato que vamos imunizar o restante da população”, afirmou.

Deixe seu Comentário

Rádio CBN CG

Ver Todos os Vídeos