Rádios On-line
7926
Banner Colunistas
ACIDENTE DE TRABALHO

Gastos com acidentes e doenças do trabalho chegam a R$67 bi no país, revela estudo

Em Mato Grosso do Sul, principais acidentes desse tipo acontecem nos setores hospitalar, abate de animais e fabricação de açúcar

10 AGO 2018 - 14h:27Por Loraine França

Estudo divulgado pelo Observatório Digital de Saúde e Segurança no Trabalho mostra que, nos últimos seis anos, os gastos com acidentes e doenças do trabalho no Brasil chegaram aos R$ 67 bilhões.

Segundo o MPT (Ministério Público do Trabalho), esse montante foi gasto pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) para pagamento de vítimas de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho. O valor foi direcionado apenas para trabalhadores com vínculo de emprego onde o empregador emitiu comunicação de acidente de trabalho. É o que explica o procurador-chefe do MPT em Mato Grosso do Sul, Leontino Ferreira de Lima Júnior.

 

De acordo com os dados do Observatório, em Mato Grosso do Sul os principais acidentes de trabalho ocorridos entre 2012 e 2017 foram nos setores hospitalar (4.500), abate de animais (3.493) e fabricação de açúcar (2.237).

A pesquisa analisa também a natureza das lesões. Os dados revelam que as fraturas (10.788) lideram o ranking. Em seguida vem corte, laceração, ferida (9.271) e contusão ou esmagamento (6.496).

“Desde 2012, são quase 54 mil acidentes de trabalho e 285 mortes registrados em todo o estado”, explica Leontino Ferreira de Lima Júnior.

 

Leontino ressalta ainda a importância de investir na educação e conscientização de trabalhadores e empregadores para que eles se atentem aos riscos que alguns locais de trabalho oferecem e utilizem, então, medidas de proteção.

Deixe seu Comentário

Rádio CBN Campo Grande

Ver Todos os Vídeos
7300