Rádios On-line
EDUCAÇÃO

Manifestantes se organizam para lotar ALMS amanhã na votação

Servidores da educação são contra a mudanças no estatuto

9 JUL 2019 - 16h:10Por Gabi Couto / CBN

Por meio das redes sociais os professores já estão se organizando para fazer uma manifestação nesta quarta-feira (10), às 9h, na sessão ordinária da Assembleia Legislativa. Os deputados estaduais vão apreciar o texto do Projeto de Lei Complementar do Executivo que faz alterações no Estatuto dos Profissionais da Educação Básica de Mato Grosso do Sul.

A matéria chegou ao conhecimento do plenário nesta terça-feira (09) em regime de urgência e foi motivo de suspensão da sessão para reunião com representantes do governo estadual e da Fetems. Após o encontro, a oposição na Casa de Leis já afirmou que irá propor emendas no projeto. Conforme explica o deputado estadual Pedro Kemp (PT):

O líder do governador no Legislativo, deputado estadual Barbosinha (PSDB), argumentou que a proposta visa garantir o piso salarial e um percentual de acréscimo que fica dependendo do regulamento. Ele esclareceu que o projeto valoriza os concursados da REE (Rede Estadual de Ensino). Veja: 

Lembrando que o texto chega até a Casa de Leis em um momento que o primeiro escalão do governo estão com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) no Paraguai. Na comitiva que está tratando de acordos bilaterais entre as partes também está presente o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Paulo Correa (PSDB). 

Confira na íntegra o texto enviado para a Assembleia Legislativa e que pode sofrer emendas nesta quarta-feira (10): 

Deixe seu Comentário

Rádio CBN CG

Ver Todos os Vídeos