Rádios On-line
MOSTRA

Marco inaugura primeira mostra infanto-juvenil de arte

Esticador de Horizontes reúne trabalhos plásticos de estudantes de escolas públicas e privadas

10 DEZ 2018 - 09h:00Por Redação

A primeira mostra produzida por crianças e adolescentes do Museu de Arte Contemporânea de Mato Grosso do Sul (Marco), Esticador de Horizontes apresenta olhares e inspirações de jovens artistas de seis instituições de ensino de Campo Grande e de Bonito. A exposição será aberta nesta terça-feira (11), às 9 horas, com entrada franca.

Idealizada pelo programa educativo do Marco, Esticador de Horizontes reúne trabalhos plásticos de estudantes de escolas públicas e privadas que expuseram previamente seus trabalhos em parceria com suas escolas na Arena do Museu ao longo de 2018.

A mostra conta com pinturas e esculturas de estudantes do Centro de Educação Infantil José Eduardo Martins Jallad (Zedu), Mace,  Escola Gappe, Associação Juliano Varela, Centro de Integração da Criança e do Adolescente (Cica) e Escola Despertar.

Também conta com painéis produzidos por estudantes de Bonito durante a 19ª edição do Festival de Inverno de Bonito (FIB) e por jovens que participaram das atividades do Dia das Crianças no Parque das Nações Indígenas em homenagem ao aniversário de Mato Grosso do Sul.

Os trabalhos foram doados a fim de se estabelecer um acervo infanto-juvenil. A proposta é “educar o olhar” de jovens e adolescentes, familiarizando-os com a arte em um exercício contínuo, provocando reflexões críticas e interpretativas, ampliando o fazer artístico de crianças e adolescentes e estreitando os laços entre escola e o museu.

Serviço

O Museu de Arte Contemporânea fica na rua Antônio Maria Coelho, nº 6000, no Parque das Nações Indígenas em Campo Grande. Mais informações pelo telefone (67) 3326-7449. A entrada franca. Horário de atendimento é de terça a sexta-feira, das 7h30 às 17h30. Sábados, domingos e feriados das 14h às 18h. Escolas podem agendar visitas mediadas ao Museu por telefone. (Com informações da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul) 

 

Deixe seu Comentário