Rádios On-line
BALANÇO ECONÔMICO

MS dá sinais de recuperação diante da crise econômica

A afirmação é do secretário adjunto de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Ricardo Senna

1 MAI 2017 - 11h:28Por Redação

Mato Grosso do Sul começa a dar sinais claros de recuperação diante da crise. A afirmação é do secretário adjunto de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Ricardo Senna, durante solenidade de abertura da Semana do Trabalhador, na sede da Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul (Funtrab), em Campo Grande.

Segundo Ricardo Senna, com a recuperação dos postos de trabalho perdidos durante a crise, o estado começa a colher os bons resultados das políticas públicas implementadas desde o início de 2015 que implicaram, inclusive, em ajustes fiscais e importantes cortes. “Num primeiro momento elas foram consideradas medidas amargas, contudo, hoje, vemos que o resultado dessas ações é um governo com as finanças equilibradas, podendo, diferente da maioria dos outros estados, manter os salários dos servidores e o pagamento de fornecedores em dia e que nos possibilitam comemorar resultados positivos de crescimento de um modo geral”.

A recuperação que o secretário referiu-se foi destacada pelo governador Reinaldo Azambuja ao falar dos números que levaram o estado a ficar em primeiro lugar no país, na geração de empregos se considerarmos os números alcançados de abril de 2016 a março de 2017. Foram gerados 1.063 novos postos de trabalho, neste período em Mato Grosso do Sul, o que deu ao estado status de único a ter números positivos.

Segundo dados destacados pelo diretor presidente da Funtrab, Wilton Acosta, 5.065 pessoas foram colocadas no mercado de trabalho no estado nos três primeiros meses de 2017, contra 3.800 do ano de 2015, uma evolução de 33%. A renovação dos incentivos oferecidos pelo estado, que o governador resumiu como sendo a troca de impostos por empregos, também foi apontada por Ricardo Senna como um dos elementos que devem assegurar que Mato Grosso do Sul mantenha os patamares alcançados, até agora, e que o colocam entre as primeiras posições na recuperação de postos de trabalho neste período de crise por que passa o país. (Informações do site Notícias MS)

Deixe seu Comentário