Rádios On-line
LEVANTAMENTO

Mulheres, negros e pessoas com menores salários são os mais afetados pela violência em MS

Segundo o IBGE, 20% dos sul-mato-grossenses foram vítimas de algum tipo de violação em 2019

7 MAI 2021 - 17h:30Por Giovanna Dauzacker

As mulheres, pessoas negras e as com menor rendimento são os grupos que mais sofreram com a violência em Mato Grosso do Sul, no ano de 2019. Segundo o levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 20,6% da população com mais de 18 anos do Estado foi vítima de algum tipo de violação no período, sendo, em 98,7% dos casos, a psicológica.

Do total, 22,7% são mulheres e 18,3% são homens. Já na comparação entre faixa etárias, a prevalência de casos de violência é maior entre os mais jovens, pessoas com idade entre 18 e 29 anos representam 36% das que mais sofrem agressões, sejam elas físicas, sexuais ou psicológicas.

A população preta também foi a que mais registrou violação. Foram 25,8% casos de danos aos negros no Estado, seguido dos pardos, com 20,9%. O percentual é maior na divisão entre quem tem maior e menor rendimento, 31% dos que ganham menos ou nada relataram ter sofrido algum tipo de violência no ano.

Deixe seu Comentário