Rádios On-line
INVESTIGAÇÃO

Nova operação da PF contra contrabando de cigarro mira advogado em Mundo Novo, MS

Segundo a PF, advogado preso em flagrante nesta sexta-feira (5) defendia presos por contrabando com dinheiro da própria organização criminosa

5 OUT 2018 - 17h:39Por Ronie Cruz/CBN

A Polícia Federal (PF) prendeu em flagrante nesta sexta-feira (5) um advogado suspeito de integrar uma organização criminosa responsável pelo contrabando de cigarros de origem paraguaia na região sul de Mato Grosso do Sul. A ação decorre da Operação WAR, deflagrada em Mundo Novo, a 467 quilômetros de Campo Grande. 

Os agentes cumpriram dois mandados de busca e apreensão no município em imóveis ligados ao advogado.  As investigações conduzidas pela delegacia da PF em Naviraí apontaram que o advogado falsificava declarações sobre a origem de valores para pagamento de fianças de presos ligados ao grupo criminoso. Segundo a PF, os valores, na verdade, pertenciam aos próprios líderes da organização.

Ainda segundo a PF, o trabalho de defesa dos envolvidos prestado pelo advogado tinha o objetivo de preservar os interesses da organização criminosa, uma vez que 'os próprios presos, muitas vezes, sequer tinham conhecimento de quem os representava'.  

O cumprimento das medidas tiveram como testemunhas representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Os policiais ainda localizaram uma considerável quantidade de munições de diversos calibres em situação ilegal.

O advogado foi conduzido para a delegacia da PF de Naviraí.

Deixe seu Comentário