Rádios On-line
NA ASSEMBLEIA

Oposição já esperava decisão judicial contra reforma 'inconstitucional' da previdência

Liminar favorável aos defensores públicos suspendeu contribuição de 11% para o MS Prev

8 MAI 2018 - 18h:37Por Redação/CBN

A decisão da Justiça Estadual em suspender a contribuição previdenciária de 14% pelos defensores públicos de Mato Grosso do Sul foi recebida com naturalidade na Assembleia Legislativa pelos deputados da oposição.

Uma liminar do Tribunal de Justiça de Mato Grosso Do Sul (TJMS) livrou a categoria da lei que entrou em vigor no dia primeiro 1º de maio deste ano após a aprovação da reforma da previdência no fim do ano passado. A decisão da Justiça na última semana suspendeu o desconto reduzindo para o antigo percentual de 11% sobre a remuneração dos defensores públicos do estado.

O novo percentual entrou  A decisão atinge 300 pessoas, entre ativos e inativos ligados à Associação dos Defensores Públicos do Estado de Mato Grosso do Sul.

Ouça a opinião do deputado Amarildo Cruz do PT:

O deputado João Grandão do PT disse que a reforma da previdência é inconstitucional.
Ouça:

Deixe seu Comentário

Rádio CBN CG

Ver Todos os Vídeos