Rádios On-line
PROCON MS

Postos de gasolina são fiscalizados por alta nos preços

Sinpetro tem 10 dias para justificar valores elevados dos combustíveis na Capital

25 FEV 2021 - 11h:00Por Thais Cintra

A Superintendência para Orientação e defesa do Consumidor (Procon-MS), decidiu notificar o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis, Lubrificantes e Lojas de Conveniência de Mato grosso do Sul (Sinpetro), que tem o prazo improrrogável de 10 dias para informar o conhecimento de eventual aumento no valor do combustível junto às usinas e distribuidoras.

A fiscalização nos postos é por conta dos valores praticados por proprietários, que elevaram os preços na comercialização do etanol, devido à alta da gasolina e óleo diesel, autorizada pela Petrobras na semana passada.

Conforme o Procon-MS, a atitude em penalizar o sindicato leva em consideração os valores atuais praticados que inviabilizam atividades laborais aos condutores, já que muitos dependem dos veículos como fonte de renda e sustentação de suas famílias.

Deixe seu Comentário