Rádios On-line
MATO GROSSO DO SUL

Trabalhadores protestam contra demissões na Energisa em Campo Grande

Em nota, empresa rebateu acusações e informou que valoriza meritocracia

11 JUN 2018 - 15h:29Por Redação/CBN

Trabalhadores ligados ao Sinergia (Sindicato dos Eletricitários de Mato Grosso do Sul) protestaram em frente da Energisa nesta segunda-feira (11). Eles são contra a atual política de demissões da empresa. Em entrevista à CBN, o vice-presidente do sindicato disse que as medidas tem afetado, inclusive, a qualidade do serviço prestado aos consumidores. 

Ouça:


OUTRO LADO
Por meio de nota a Energisa esclarece que, desde que assumiu as atividades de distribuição do setor elétrico no estado, tem realizado 'grande transformação na empresa com investimentos que ultrapassam R$ 1 bilhão'. A concessionária informa que valoriza a meritocracia e a boa prestação de serviço aos seus clientes.

Além disso, segundo a nota, nos últimos quatro anos o quadro de colaboradores aumentou em 33%. Tambem foram promovidas 313 pessoas e realizadas mais de 400 mil horas de treinamento.  A empresa também cita a última pesquisa de clima realizada pelo instituto GPTW (Great Place to Work) entre os colaboradores. O estudo revelou índice de 79,01% de confiança, 'consolidando-se como uma excelente empresa para se trabalhar, com um ambiente de trabalho saudável e colaborativo'.

O texto também cita a eleição da empresa pela Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee), em 2017, como uma das melhores distribuidoras de energia do país na avaliação de clientes. A empresa ressalta a informação de ser a segunda distribuidora de energia com o menor reajuste tarifário do país.

Deixe seu Comentário

Rádio CBN CG

Ver Todos os Vídeos