Rádios On-line

Comissão discute possíveis irregularidades na ajuda do BNDES à Marfrig

BNDES deixará de ganhar R$ 1,2 bilhão para poder ajudar a empresa Marfrig Alimentos S/A

17 DEZ 2012 - 12h:03Por Redação

As comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Fiscalização Financeira e Controle promovem nesta terça-feira (18) audiência pública para discutir possíveis irregularidades na ação da diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e do Conselho de Administração do BNDESPar na emissão de debêntures para a empresa Marfrig Alimentos S/A. 

Foram convidados o presidente do BNDES, Luciano Coutinho e o presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), entre outras autoridades, para explicar o que aconteceu. A reunião deveria ter acontecido na semana passada, mas terminou sendo adiada para amanhã. 

A audiência foi solicitada pelos deputados Sebastião Bala Rocha (PDT-AP) e Nelson Bornier (PMDB-RJ). Eles se basearam em matéria publicada pelo jornal O Globo, de 22 de novembro de 2012, segundo a qual o BNDES deixará de ganhar R$ 1,2 bilhão para poder ajudar a empresa Marfrig Alimentos S/A, “o que caracterizaria um enorme prejuízo aos cofres públicos”.

Foram convidados ainda para falar na audiência o diretor-presidente da empresa Marfrig Alimentos S/A, Marco Antônio Molina; o procurador-geral da República, Roberto Gurgel; e o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Benjamin Zymler.

A audiência ocorrerá no Plenário 12, a partir das 14h30.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13
  • Programas: