Rádios On-line

Consumo de gás pela indústria põe Três Lagoas na liderança do Estado

Empresas de celulose e de siderurgia instaladas na cidade ampliam aplicação do combustível e do gasoduto Brasil-Bolívia

16 JAN 2016 - 09h:28Por Redação

Três Lagoas divide com a capital Campo Grande a liderança no consumo de gás natural no Mato Grosso do Sul. O setor que mais pesa nesta divisão é o funcionamento de termoelétrica instaladas nas duas cidades. Quando o consumo é específico para o setor industrial, Três Lagoas assume a liderança do uso do combustível no Estado.

Ao longo de 2015, a distribuição de gás passou  de 1 bilhão de metros cúbicos, com média de 2,7 milhões por dia, direcionados para mais de quatro mil consumidores das duas cidades.
A Companhia de Gás do Estado de Mato Grosso do Sul (MSGás) anunciou no início do mês que fechou o ano passado com lucro líquido de R$ 15 milhões e que gerou arrecadação de R$ 41 milhões em ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) ao Tesouro Estadual.

Os dados foram divulgados na semana passada pela Diretoria Técnica e Comercial da companhia. 
Em 2015, o Mato Grosso do Sul representou 8,48% por dia em média no volume de distribuição do Gasoduto Brasil-Bolívia no país, por onde passam 33 milhões de metros cúbicos diariamente.

O mês de destaque foi setembro, quando foram distribuídos 94,2 milhões de metros cúbicos. Foi o melhor resultado do ano, totalizando média diária de 3,1 milhões direcionados a Campo Grande e a Três Lagoas. O número significou incremento de 3,6% em relação a abril, quando a companhia rompeu a marca dos 90,9 milhões de m³/mês.

Deixe seu Comentário