Rádios On-line

Rede pública de ensino matriculou 560 alunos a mais em 2015, aponta estudo

Segundo Censo Escolar, do MEC, no ano passado 24,2 mil alunos foram matriculados na rede pública

19 JAN 2016 - 07h:30Por Renata Prandini

Três Lagoas registrou, em 2015, o total de 24.215 alunos matriculados na rede pública de ensino no ano passado. O número corresponde a um aumento de 560 matrículas se comparado com o ano anterior, quando 23,6 mil crianças e adolescentes haviam ingressado na escola, segundo dados do Censo Escolar 2015.

Elaborado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o censo analisa as matrículas iniciais realizadas em creches, pré-escola, ensino fundamental e ensino médio, educação especial e Educação de Jovens e Adultos (EJA), nas redes municipais e estaduais em todos os municípios brasileiros. O levantamento serve de base para a distribuição dos recursos federais e também é dividida entre períodos integral e parcial.

De acordo com o Censo, das 560 matrículas a mais registradas no ano passado, 207 foram somente para creches. Em 2014, o município contabilizava 1.560 crianças no período integral e 990 no parcial. Já no ano passado, o índice saltou para 1.767 crianças no período integral.

Por outro lado, o número de matrículas na pré-escola, período integral, caiu pela metade de um ano para outro, de 112 para 60. Também houve queda no período parcial de ensino, em torno de 40 matrículas a menos de um ano para o outro.

Ainda segundo o resultado final do Censo Escolar, a rede pública registrou aumento de 78 alunos matriculados nos anos iniciais do Ensino Fundamental. No ano passado, foram 7.979 matrículas nos dois períodos (parcial e integral), tanto na rede estadual quanto na municipal.

QUEDA

Também apresentou queda o número de alunos matriculados nos anos finais do Ensino Fundamental caiu de um ano para o outro. Enquanto que em 2014, a rede pública havia registrado 6.444 matrículas, no ano passado foram 6.228, queda de 216 alunos.

A redução não se repetiu no Ensino Médio, que se manteve com a média de 3.070 mil alunos matriculados nos dois anos. No entanto, no ano passado não houve matrículas no período integral, ao contrário de 2014, quando 107 alunos haviam sido matriculados em tempo integral.

Nesta semana, a rede estadual de ensino de Mato Grosso do Sul deverá finalizar as matrículas para o ano letivo de 2016.

O resultado de todo o Censo Escolar foi divulgado ontem no Diário Oficial da União.  Em nota, o MEC informou que contabilizar o número das matrículas é fundamental para o repasse de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) e a execução de programas na área da educação. Em todo o país, foram registradas 38 milhões de matrículas na rede pública.

Deixe seu Comentário