Rádios On-line
INCLUSÃO

Salas devem receber 150 alunos especiais neste ano

Ao todo rede municipal de ensino tem 15 mil alunos matriculados

13 FEV 2016 - 10h:39Por Tatiane Simon

Dos 15 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino, 150 deles possuem algum tipo de deficiência. Os dados são da Secretaria Municipal de Educação. A pasta  informou que no ano passado eram 113 alunos especiais matriculados no ensino regular.
Esta parcela de alunos recebe também o auxílio de monitores dentro das salas de aula e acompanhamento complementar no período de contra turno, através do Atendimento Educacional Especializado (AEE), realizado na escola municipal Flausina Assunção Marinho.
Este tipo de atendimento supre necessidades específicas que cada criança possui. Por isso, não se caracteriza como reforço e sim como um complemento que busca possibilitar o desenvolvimento, aprendizagem e a plena participação na sociedade.
É por meio do uso de equipamentos de informática, mobiliários, materiais pedagógicos e de acessibilidade para a organização do espaço e aplicação de atividades diferentes das transmitidas nas salas regulares frequentadas pelos alunos, em horário oposto que o trabalho é desenvolvido. O atendimento é realizado em parceria com a Secretaria de Saúde, para avaliar a evolução do quadro clínico do aluno.
A secretaria informou que em 2015, 10 crianças eram deficientes auditivas, 18 intelectual, cinco visual, 12 alguma deficiência física e 16 com Transtornos Globais do Desenvolvimento (autismo ou Síndrome de Asperger). Outras 52 possuíam necessidades comprovadas por meio de laudo médico, como epilepsia, dislexia, distúrbio de aprendizagem, hiperatividade, paralisia cerebral, comportamento opositor, paralisia cerebral, além de transtornos.

Deixe seu Comentário