Rádios On-line
RESUMÃO

Veja as notícias que você precisa saber neste feriado nacional

Um resumo das principais informações desta quinta-feira pelo país

21 ABR 2016 - 10h:21Por Valdecir Cremon

POLÍTICA

- A Procuradoria-Geral da República vai investigar a conduta do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) após receber 17,8 mil reclamações de cidadãos que criticaram a conduta do parlamentar durante a votação da abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, no último domingo (17). Em discurso, Bolsonaro exaltou o coronel Carlos Brilhante Ustra, considerado um dos maiores torturadores da ditadura militar brasileira, morto no ano passado.

- Determinado a contrariar a orientação do PDT para que seus colegas de partido votem a favor da presidente Dilma Rousseff (PT), o senador Lasier Martins fez um pronunciamento, terça-feira, criticando a postura do partido. O foco das críticas foi o comandante da legenda, Carlos Lupi. Entre críticas por ser ameaçado de punições pela direção nacional da legenda, Lasier Martins recomendou que o presidente do PDT, Carlos Lupi, se case com a presidente. Lupi não respondeu à provocação.

- O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu nesta quarta-feira (20) incluir no principal inquérito da Operação Lava Jato trechos da delação do senador Delcídio do Amaral (MS) em que a presidente Dilma Rousseff, o vice Michel Temer, e o ex-presidente Lula são citados. Zavascki atendeu a um pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. A medida não significa que os citados passaram a ser investigados pelo Supremo.

- A presidente Dilma Rousseff deve embarcar nesta quinta-feira (21) para Nova York (EUA) onde irá  participar de cerimônia da assinatura do acordo elaborado no ano passado, em Paris, sobre mudança do clima, na sede da Organização das Nações Unidas (ONU).  Em discurso diante dos chefes de Estado de todo o mundo, a presidente brasileira planeja falar sobre o processo de impeachment que enfrenta no Congresso Nacional e denunciar que é vítima de um “golpe parlamentar”.

 

ECONOMIA

- O Chevrolet Onix fechou o mês de março, outra vez, como o carro mais vendido do País. Foram cerca de 12 mil unidades, contra 10 mil do HB20, da Hyundai, que apareceu em segundo. Na sequência ficaram o Ford Ka, o Honda HR-V e o Toyota Corolla.  Os números são da Fenabrave, entidade que reúne as concessionárias. No geral, as vendas de veículos despencaram quase 24 por cento.

- Os embarques brasileiros de carne de boi dispararam mais de 20 por cento, em março, na comparação com 2015. O volume total negociado com outros países chegou a 140 mil toneladas. Os dados da Abiec levam em conta as vendas de carne in natura, mas também de miúdos e produtos industrializados, por exemplo. Já o preço caiu, e o faturamento, apesar de ter crescido oito por cento, não acompanhou a alta dos embarques.

- A economia brasileira sofreu mais um duro golpe, consequência da crise. O número de desempregados disparou e chegou a 10,2% da população. Indica pesquisa feita entre os meses de dezembro e fevereiro. No mesmo período de 2015, o índice estava na casa de 7%. O número de desocupados, no Brasil, subiu cerca de 40 por cento, para mais de 10 milhões de pessoas. O pior resultado desde o início da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios.

- A arrecadação de impostos, por parte do Governo Federal, despencou sete por cento, no mês de março. O volume total ficou pouco abaixo de R$ 96 bilhões - o pior resultado para o período desde 2010. A própria Receita Federal explicou que o recuo é consequência da crise econômica, que obrigou o brasileiro a consumir menos.

- Mesmo com o dólar em alta, os brasileiros continuam gastando dinheiro em terras estrangeiras. Só em março foram mais de R$ 1 bilhão em viagens internacionais. Mesmo assim, isto representa uma queda de 13,9% em relação ao mesmo período de 2015. Porém, em relação a fevereiro, houve um salto de 53,5%. No ano passado, os gastos ultrapassaram 17 bilhões de dólares no turismo fora do país, porém este foi o valor mais baixo desde 2010.

GERAL

- O estudante interessado em participar do vestibular da Universidade Estadual de Campinas, a Unicamp, já pode pedir o abono da taxa de inscrição. Para ter direito à isenção total, a renda familiar do candidato não pode passar de R4 1.100 reais por pessoa. Neste caso, assim como para funcionários da Universidade, serão quase sete mil benefícios. Os interessados devem preencher, até o dia 23 de maio, o formulário disponível no site www.comvest.unicamp.br.

- A Caixa Econômica Federal sorteou na noite desta quarta-feira (20), em Umuarama (PR), os números do concurso 1.810 da Mega-Sena. O concurso premiou um apostador, que levou R$ 92 milhões. As dezenas sorteadas foram: 01 - 10 - 25 - 43 - 50 - 56. A quina vai pagar R$ 22.300 a cada um dos 266 acertadores. Na quadra houve 14.324 apostas ganhadoras, com prêmio de R$ 593,44 para cada um.

 

ESPORTES

- O Corinthians goleou o Cobresal-CHI por 6 a 0, na noite desta quarta-feira, na Arena de Itaquera, e confirmou a liderança do grupo 8 da Libertadores. Com a vitória, o Timão garantiu a terceira melhor campanha da primeira fase, com 13 pontos, e deve pegar o Nacional-URU nas oitavas de final. O time uruguaio ficou em segundo lugar no grupo 2.

Nesta quinta-feira, a definição do grupo 1 vai apontar todos os duelos do mata-mata. Na definição da outra vaga da chave, o Cerro Porteño-PAR derrotou o Independiente Santa Fé-COL por 1 a 0 e garantiu a classificação como segundo colocado.

- O Flamengo devolveu com sobras a derrota sofrida para o Confiança-SE no jogo de ida desta primeira fase da Copa do Brasil. Jogando em Volta Redonda, ontem à noite, o time carioca venceu por 3 a 0, em partida inspirada do argentino Mancuello e de Marcelo Cirino, autor de dois gols. O time sergipano havia vencido a primeira partida por 1 a 0. A vitória motiva o Flamengo às vésperas do clássico com o Vasco, pela semifinal do Campeonato Carioca, domingo, na Arena Amazônia, em Manaus.

- Cesar Cielo está fora dos Jogos Olímpicos do Rio de janeiro. Terceiro colocado nos 50m livre do Troféu Maria Lenk, o campeão em Pequim-2008 ficou atrás de Bruno Fratus e Ítalo Manzine, que vão representar o país na prova. Fratus venceu a prova com o tempo de 21s74, enquanto Ítalo garantiu a segunda posição com 21s82. Cielo fez 21s91, tempo que lhe daria a vaga olímpica, mas o país tem direito a apenas dois nadadores por prova. No início da semana, Cielo havia garantido índice também nos 100m, mas preferiu não brigar pela vaga para se concentrar nos 50m, sua especialidade.

Deixe seu Comentário