Rádios On-line
8357
Loteamento OT
ESTÉTICA

Calvície nunca mais

Desde os cuidados com o couro cabeludo até o transplante capilar, tudo sobre a queda de cabelo

15 SET 2017 - 16h:56Por Redação

A preocupação com os cabelos já não é mais assunto exclusivamente feminino. Atualmente, homens também se preocupam com a aparência e saúde de seus cabelos. Contudo, essa preocupação não está relacionada somente à estética, mas também com a saúde do couro cabeludo. A fim de promover o crescimento dos fios de maneira mais saudável, a visita aos consultórios especializados em medicina capilar tornou-se mais frequente, de acordo com o médico José Carlos Modesto, de Andradina (SP), graduado pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, pós-graduado em medicina capilar (Tricologia), em São Paulo, e médico indicado pela Sociedade Brasileira do Cabelo.

José Carlos Modesto conta que parte dos casos de queda de cabelo está associada a diversos fatores, tais como: Alopecia Androgenética, stress, alimentação não saudável, química aplicada ao cabelo, medicamentos, doenças metabólicas e doenças do couro cabeludo (inflamações, infecções, infestações, tumores, doenças autoimunes). Desse modo, a busca por um profissional de medicina capilar é extremamente necessária, uma vez que será responsável por estudar, avaliar as condições do couro cabeludo do paciente, orientá-lo sobre as causas e por fim indicar o tratamento necessário. “Quando falamos em queda de cabelo, não estamos nos dirigindo a um público apenas”, afirma o médico. O número de homens e mulheres que procuram auxílio para solução da queda de cabelos está praticamente igual. 
Apesar de comum, principalmente nos homens, a calvície é um quadro que pode ser revertido graças a técnicas de transplante.

Especializado no assunto, José Carlos Modesto é um dos poucos profissionais da região capazes de realizar o procedimento. “O transplante capilar é um método cirúrgico, que pode trazer de volta os cabelos. Normalmente, quando falamos em calvície, principalmente no homem, é comum notar que a perda de cabelo costuma acontecer no topo do couro cabeludo. Tal fato ocorre porque as regiões laterais e posteriores do couro cabeludo possuem uma origem embriológica diferente das regiões frontal, parietal (topo da cabeça) e coroa, locais onde se concentram o maior número de receptores com afinidade pelo DHT (di-hidrotestosterona), que são os grandes responsáveis pela queda de cabelo na Alopecia Androgenética”, explica. 

O transplante caracteriza-se principalmente por implantar folículos capilares da região lateral ou posterior para a região frontal, parietal e coroa, com o próprio cabelo do paciente. O folículo levará todas as suas características embriológicas, o que permite grandes chances de sucesso para o método, vez que os folículos não serão rejeitados e não sofrerão ação hormonal – de acordo com o especialista. 
A Clínica Medicina do Cabelo é hoje um dos centros da região que oferece tratamentos desde a queda de cabelos até o transplante capilar, incluindo transplante de sobrancelhas e de barba.
Além do tratamento capilar, a clínica também realiza tratamentos com o reconhecido laser de CO2 Fracionado para rejuvenescimento corporal e também o revolucionário Monalisa Touch - um método totalmente novo no Brasil e inédito na região, que proporciona às mulheres melhor qualidade de vida sem os efeitos indesejáveis da menopausa. Trazido da Itália, o método consiste em um tratamento a laser minimamente invasivo, indicado para mulheres que não podem ser submetidas à reposição hormonal. A ação do laser na parede vaginal estimula e ativa o metabolismo das células atróficas, ampliando a produção de colágeno, de circulação sanguínea, regeneração da mucosa vaginal; aumento da lubrificação, libido e sensibilidade, além da recuperação da secreção ácida que protege contra infecções urinárias e corrimentos, tornando a fisiologia genital próxima ao estado anterior aos efeitos da menopausa.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6651