Rádios On-line
8932
SE7E SAúDE

De olho no Verão

Se anda insatisfeita com seu corpo no Inverno, corre que dá tempo de “corrigir” antes de vestir o biquíni

3 JAN 2019 - 07h:43Por Tatiane Simon

Já parou para pensar que em menos de quatro meses será dezembro e, com ele, além das tradicionais festas de fim de ano, chega, também, o Verão. É hora de renovar os biquínis do guarda-roupa e, mais do que isso, de resolver antigos “defeitinhos” do corpo.

Sempre tem aquele pneuzinho, no culote ou na região abdominal, que nos incomoda. A mulher, em especial, nunca está satisfeita esteticamente. Mas, como solucionar isso faltando tão pouco tempo? A cirurgia plástica pode ser a resposta no caso de muitas mulheres.

A lipoaspiração, por exemplo, é um método utilizado para a remoção de gordura localizada em locais que são considerados inestéticos e tem a finalidade de melhorar o contorno e a harmonia corporal, de acordo com a cirurgiã plástica Suelen Melão.

A especialista reforça que a lipoaspiração é indicada a ser feita quando não se consegue eliminar a gordura localizada através da dieta ou exercício física. “A lipo, no entanto, não é realizada para emagrecimento da paciente e sim para um modelamento da gordura corporal. Ela modela o corpo e salienta a beleza da mulher”, explica.

Às mulheres que se interessam pelo método, uma boa notícia: os resultados da lipoaspiração levam poucos meses. Isso significa que até o Verão, você estará com aquele corpinho!

“Os resultados aparecem após alguns meses. Após a regressão do edema (inchaço), mas é importante citar que o paciente precisa manter uma alimentação saudável associada à prática de exercícios físicos para poder manter um resultado duradouro. E se voltar a ganhar peso, poderá perder o resultado obtido na cirurgia”, pontua a especialista.

Como é realizada a lipoaspiração?

O procedimento, conforme a especialista, é realizado através de uma cânula ou seringa que é conectada em uma bomba de aspiração à vácuo que faz com que sugue a gordura. As cicatrizes para realizar o procedimento são muito pequenas (aproximadamente de meio centímetro) cuidadosamente posicionadas em pontos estratégicos que ficam disfarçadas.

A lipoescultura é o procedimento que, associado à lipoaspiração, faz o enxerto da gordura em locais onde se deseja melhorar o contorno corporal. Logo, pode preencher alguma depressão corporal ou fazer a reposição de volume, como acontece nos glúteos (aumento de bumbum, lábios, face).

Quais as etapas de uma lipoaspiração?

Primeiro é realizada a anestesia que, pode ser do tipo geral ou sedação intravenosa, que será decidida conforme a melhor indicação clínica para o paciente em conjunto com o anestesista. Depois a lipoaspiração é realizada através de pequenas incisões, imperceptíveis, em que uma solução líquida estéril é infundida para reduzir o sangramento e o trauma. Em seguida, uma cânula é inserida para poder aspirar o excesso de gordura, num movimento controlado de vai e vem. Existe um dispositivo associado ao aparelho do tipo vibrador, chamado de vibrolipoaspirador, que ajuda a melhorar a sensibilidade do procedimento, diminui a força que o cirurgião precisa fazer e é menos traumático que o aparelho convencional.

Como se preparar para a cirurgia?

“Esta é uma etapa extremamente importante!”, afirma Melão. Durante a consulta serão analisadas todas as queixas, expectativas e resultados que podem ser conseguidos com procedimento. “Uma consulta muito detalhada associada a um exame físico específico, exames laboratoriais, avaliações de outras especialistas serão capazes de identificar se você estará apto para a realização do procedimento”.

Quais os cuidados na recuperação da lipoaspiração?

Os cuidados pós-cirurgia são muito importantes para o sucesso do procedimento. “Assim o paciente deve seguir as orientações de seu médico referente aos medicamentos, de ambulação, cuidados com uma alimentação equilibrada, uso de modeladores, realização de drenagens linfáticas, cuidados com os curativos e sol. Nos retornos ao consultório o cirurgião dará todas as orientações necessárias em cada etapa da recuperação cirúrgica”.

Mas, lembre-se...

Ponto fundamental para a segurança da sua saúde é saber se o cirurgião é membro especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, assim como Suelen Melão. No site da SBCP é possível pesquisar o nome do especialista.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13