Rádios On-line
8935
JORNAL DO POVO MOBILE
DICAS

'Truques' comuns em games podem banir o jogador para sempre

Sistema detector de hacks da Epic Games promete encontrar trapaceiros e os banir de Fortnite

7 DEZ 2018 - 13h:29Por Redação

Fortnite é um dos principais jogos de 2018. O Battle Royale da Epic Games bateu recordes de vizualizações na Twitch TV e faz sucesso no mundo todo. Assim como em outros games de tiros, diversos jogadores usam hacks e cheats para conseguir vantagem na hora do combate. A prática, no entanto, é proibida pela desenvolvedora, que promete banir os trapaceiros permanentemente do jogo. Veja, a seguir, como funciona o sistema de detecção de trapaças de Fortnite e quais são os hacks mais comuns no game.

Tipos de cheats e hacks

Segundo o Acordo de Licença de Usuário Final de Fortnite, ao fazer uma conta no game o jogador concorda em não "criar, desenvolver, distribuir ou utilizar qualquer software não autorizado para obter vantagem em qualquer modo de jogo, seja on-line ou não". Esses programas, chamados cheats e hacks, dão vantagens para os players que os utilizam e são proibidos em Fortnite.

Existem diversos tipos de programas "trapaceiros". Dentre os mais utilizados está o trigger, que é um auxílio de pontaria que dispara sozinho quando o jogador passa sua mira por cima do alvo. O Aimbot é semelhante, mas o seu diferencial é que ele acerta sempre na cabeça dos inimigos.

O Wallhack é outro hack bastante conhecido no mundo dos jogos online. Com o programa, o jogador consegue ver todos os personagens presentes na partida através das paredes. O Speed Hack tem um nome autoexplicativo: ele facilita a movimentação do player e o deixa mais rápido que o normal. Por fim, o Teleport Hack faz o hacker aparecer atrás do adversário e, assim, a eliminação de surpresa fica muito mais fácil.

Cheat Detection

Para controlar o uso de cheats e hacks, a Epic Games disponibiliza um programa que detecta as trapaças na hora do jogo. O Cheat Detection poderá ser instalado juntamente com o game ou o usuário será solicitado a fazer a instalação posteriormente. A remoção desse software resulta, segundo a desenvolvedora, no cancelamento da licença para uso.

Em outubro de 2018, a Epic Games comprou uma empresa especializada em segurança de jogos, a Kamu. A companhia é a criadora do 'Easy Anti-Cheat', um sistema que promete banir milhares de players pelo uso de trapaças. A intenção é fortalecer a prevenção e o banimento de jogadores que se utilizam de uma alteração do sistema não permitido pela desenvolvedora. O programa, como dito acima, poderá ser instalado junto com o Fortnite ou em separado. O software de detecção de trapaça coleta e transmite detalhes sobre a conta, jogabilidade e fica de olho em programas não autorizados.

Deixe seu Comentário

TVC

TVC Canal 13

JORNAL DO POVO