Rádios On-line
8161
Prefeitura 102 Anos
CONTRA A GRIPE

Campanha imunizou detentos e servidores das unidades penais

Mais de oito mil reeducandos e mil agentes penitenciários foram imunizados

13 JUN 2017 - 18h:00Por Redação

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe H1N1 também foi promovida nos estabelecimentos penais de Mato Grosso do Sul. De acordo com a Divisão de Saúde da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), 8.306 reeducandos e 1.147 agentes penitenciários foram imunizados.

A vacinação nas unidades prisionais do estado seguiram os mesmos critérios de grupos de risco estabelecidos pelo Ministério da Saúde. As ações nos presídios aconteceram em parceria com equipes de saúde das secretarias municipais.

Segundo a chefe da Divisão de Saúde da Agepen, Maria de Lourdes Delgado Alves, na Capital, as vacinas foram fornecidas pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) e aplicadas pelas técnicas de enfermagem que trabalham nas unidades penais. “Nos outros municípios do estado, a campanha foi desenvolvida conforme decisão entre as secretarias e os diretores dos estabelecimentos prisionais”, complementa.

A promoção da campanha de vacinação nos presídios é apenas uma das ações estabelecidas pela agência penitenciária para evitar a contaminação entre os reeducandos. As medidas de precaução envolvem, ainda, cuidados de higiene e acompanhamento médico dos internos.

Segundo o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, até o momento, não houve registro de internos infectados pelo vírus H1N1 em presídios de Mato Grosso do Sul. “Essa campanha de vacinação fortalece as ações de saúde voltadas ao sistema prisional e prioriza a nossa preocupação com os custodiados e os agentes penitenciários que convivem em encarceramento coletivo”, afirma o dirigente. (Informações do Notícias MS)

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6529