Rádios On-line
EPIDEMIA

Dengue força decreto de emergência

De acordo com dados divulgados pelo município, entre janeiro e março foram notificados 7.530 casos de dengue no município

10 MAR 2019 - 16h:00Por Ingrid Rocha

O Diário Oficial de Campo Grande trouxe publicado, ontem, decreto de situação de emergência por causa do aumento de casos de dengue na capital, com prazo de vigência de 180 dias. A medida tem como base os indicadores estatísticos da Secretaria Municipal de Saúde, que declaram Campo Grande em situação de epidemia.

De acordo com dados divulgados pelo município, entre janeiro e março foram notificados 7.530 casos de dengue no município, sendo 915 confirmados. O destaque é para fevereiro, quando foram registrados 4.514 casos da doença - média de mais de 160 notificações por dia. Ainda de acordo com as informações secretaria, até esta semana, uma morte foi registrada em decorrência da doença e outra está sendo investigada.

No período de vigor da emergência, o município poderá adquirir bens necessários ao atendimento à população combate ao mosquito Aedes aegypti, além de contratar serviços sem a necessidade de licitação.

O mês de fevereiro registrou aumento 123,57% de chuvas na capital. Eram esperados 171,4 mm e choveu 383,2 mm, aumento que favorece a infestação do mosquito. O meteorologista Natálio Abrahão explicou que para os próximos dias tem previsão de mais chuvas na capital, como a registrada no dia 26 de fevereiro, que causou transtornos e prejuízos para os moradores e para a prefeitura da capital, em diversos bairros.

Deixe seu Comentário