Rádios On-line
CIDADANIA

Instituto de Identificação realiza mutirão em Sidrolândia

Mutirão que começou nesta segunda-feira (29) segue até sexta-feira (2)

30 JAN 2018 - 12h:00Por Redação

O Instituto de Identificação realiza na cidade de Sidrolândia um mutirão para confecção de cerca de 400 novos RG. A ação tem como objetivo principal beneficiar a população indígena, rural e moradores do município que ainda não possuem o documento ou precisam tirar a segunda via.

O mutirão que começou nesta segunda-feira (29) segue até sexta-feira (2), e os interessados em utilizar esse serviço devem retirar uma senha para atendimento no Centro Integrado de Atendimento ao Trabalhador (Ciat), que está localizado na rua Paraíba, nº 175, no centro da cidade ou com os caciques das aldeias indígenas. Em seguida devem procurar o Centro de Referência de Assistência (CRAS) Jandaia, na rua Paraná, nº 1885, no bairro Jandaia, onde está sendo feito o atendimento pela equipe técnica do instituto.

Até sexta-feira, o mutirão deve fornecer RG para 400 moradores de Sidrolândia

De acordo com a diretora do Instituto, Jucilene Correa Menezes, a ideia da ação é atender o maior número de pessoas que ainda não possuem a carteira de identidade e estão impedidos de acessar diversos serviços e benefícios. “O RG é um documento importante para todo cidadão brasileiro e com ele é possível abrir conta em banco e acessar benefícios sociais e previdenciários, por exemplo. Estamos emitindo mensalmente no Estado mais de 12 mil novos RGs, ou seja, em média 600 por dia”, pontuou.

A primeira emissão, ou seja, 1ª Via para pessoas que nunca tiraram o RG ou para aquelas que emitiram o documento em outros estados brasileiros é gratuita, e basta levar a Certidão de Nascimento ou casamento e um comprovante de endereço, as fotos são feitas no local.

Já para a segunda emissão ou 2ª via, em casos de perda, extravio ou alteração de nome, por exemplo, o serviço é tributado em 4 Unidade Fiscal Estadual de Referência de Mato Grosso do Sul (UFERMS), sendo necessário o usuário imprimir o boleto e realizar o pagamento na rede bancária credenciada. (Com informações da Sejusp)

Deixe seu Comentário