Rádios On-line
OPERAÇÃO TIRADENTES

PM recupera veículos e apreende mais de 7 mil quilos de drogas

Ação teve a duração de 24 horas e foi desencadeada em todas as unidades operacionais da Polícia Militar em todo o Estado

24 ABR 2017 - 08h:24Por Redação

A Polícia Militar de Mato Grosso do Sul finalizou na sexta-feira (21) a "Operação Tiradentes", que foi realizada em homenagem ao dia do patrono das Polícias Militares. A ação teve a duração de 24 horas e foi desencadeada em todas as unidades operacionais da Polícia Militar em todo o Estado, incluindo o Grupamento de Policiamento Aéreo por meio do helicóptero Harpia 1.

As ações desenvolvidas foram barreiras, abordagens, busca de foragidos da justiça e rondas nos diversos rincões de Mato Grosso do Sul. Participaram da ação 1.431 policiais militares e mais de 260 viaturas, tendo sido realizadas  abordagens a mais de 10 mil pessoas, obtendo como resultados a apreensão de cinco armas, recuperação de seis veículos produtos de furto foram recuperados, 14 mandados de busca e apreensão foram cumpridos, além de mais de sete mil quilos de drogas apreendidas. No total, 640 ocorrências foram atendidas e 80 pessoas presas. Além disso, 237 autos de infração foram lavrados por irregularidades administrativas e 33 veículos foram apreendidos.

A operação marcou ainda o início dos trabalhos do Grupo de Policiamento Aéreo, com o emprego do helicóptero no apoio do serviço das Unidades Operacionais da PMMS. Segundo o comandante-geral instituição, coronel Waldir Ribeiro Acosta, os resultados foram positivos, apesar das condições meteorológicas que se registrou no período de operação. “Os resultados foram bem positivos, graças a mobilização logística e de efetivo que fizemos neste período, proporcionando assim, maior segurança à sociedade sul-mato-grossense. ”

O comandante também destacou que desta forma, a Polícia Militar cumpriu seu papel institucional de preservação da ordem pública, através do policiamento ostensivo nas suas diversas especialidades.

Nacional

A operação foi desencadeada pelas Polícias Militares em todo o Brasil por sugestão do Conselho Nacional dos Comandantes Gerais das Polícias Militares e Corpo de Bombeiros Militares, órgão formado por todas as polícias militares do país por meio de seus comandantes.

(Informações Notícias MS)

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13