Rádios On-line
SUSTENTABILIDADE

Três-lagoenses mostram alternativas para economizar água

Sistemas de reaproveitamento ajudam o planeta e refletem no bolso

23 MAR 2017 - 11h:55Por Viviane Pinheiro

Três Lagoas é conhecida como a "Cidade das Águas" e esse título não é por acaso. O município é cercado por rios, lagoas e riachos. Tanta água disponível, acaba proporcionando lazer, esporte, ações ligadas às questões ambientais, de turismo, além de ser uma força motora importante na produção de energia elétrica que abastece boa parte do país. A Usina Hidrelétrica de Jupiá está localizada no município. Mesmo assim, muitos filhos da terra se preocupam com a possibilidade do planeta enfrentar problemas com a falta de água no futuro.

É o caso do ambientalista Manoel Pimenta, que tem no fundo da sua residência um reservatório que armazena água da chuva. Cerca de 18 mil litros estão guardados e são reutilizados na irrigação das plantas. Para retirar a água do reservatório, é utilizada uma bomba e para captar, o próprio quintal faz o serviço, já que as áreas impermeabilizadas distribuem a água para os canteiros.

Outro três-lagoense que criou um sistema de reaproveitamento de água, é o operador de máquinas Valdomiro Pires. A água que cai durante a chuva vai para dentro de galões e da calha,  passa por um processo de encanamento, sendo distribuída em quatro pontos, de acordo com a intensidade. Cada um dos galões tem capacidade para 200 litros. Em época de pouca chuva, a distribuição de água continua, já que tudo fica armazenado em uma caixa, o que garante abastecimento durante a estiagem.

ASSISTA A REPORTAGEM:

 

 

Deixe seu Comentário