Maternidade

Mãe tem trigêmeos com sete anos de diferença no Reino Unido

Helen Baker tem uma história surpreendente, e de muita superação, sobre a diferença de idade dos filhos trigêmeos

26/10/2018 07:30


A britânica Helen Baker deu à luz os gêmeos Coco e Monty em agosto deste ano, 7 anos depois do nascimento do primogênito Hugo. As gravidezes foram realizadas por inseminação artificial e os três filhos são considerados trigêmeos por definição. Acontece que os embriões foram concebidos ao mesmo tempo e, independente da enorme diferença de idade, eles são considerados trigêmeos.

No ano passado, ela e o marido Oliver, de 38 anos, decidiram que queriam aumentar a família e tentar engravidar mais uma vez outra criança usando os embriões congelados do tratamento de fertilização que trouxe Hugo ao mundo. Para a surpresa do casal, a tentativa deu certo, mas em dose dupla. Os gêmeos nasceram saudáveis e a mãe conta que o pequeno Monty é a cara do filho mais velho quando foi concebido, em 2011.

Ao total, foram 10 ciclos de tentativas de engravidar, a um custo de £ 17.500, o equivalente a 83 mil reais. Ela precisou vender a casa da família para arcar com as despesas do tratamento. Em entrevista à IOL, a ex-modelo contou que as gravidezes foram uma “montanha-russa emocional”. Durante as tentativas de engravidar, Helen chegou a sofrer um aborto espontâneo e uma gravidez ectópica (uma complicação em que o embrião se forma fora do útero).

Hoje, a mamãe é só alegria, e conta que os momentos de dificuldades ficaram para trás. “Tem sido uma longa jornada, mas agora tenho uma família feliz. Sinto que desafiei todas as probabilidades possíveis”.

(mdemulher)


Redação