AUDITORIA DO LIXO

Câmara arquiva pedido de inquérito contra Ângelo Guerreiro

Morador entra com segundo pedido de investigação deste ano

18/12/2018 12:36


A Câmara de Três Lagoas arquivou, na sessão desta terça-feira (18), novo pedido de investigação contra o prefeito da cidade, Ângelo Guerreiro (PSDB), em torno da exploração de serviços relacionados à coleta de lixo residencial na cidade. A rejeição foi por 12 votos a 4. 

Votaram a favor da investigação os vereadores Renê Venâncio (PSD), Davis Martinelli (Pros) e Flodoaldo Moreno (Solidariedade), além do presidente da Câmara, vereador André Bittencourt (PSDB). 

Vanderlei Amaro Júnior, membro de uma ONG ligada ao meio ambiente da cidade, fez o pedido de investigação pela segunda vez neste ano. A primeira, em abril, rejeitada com 13 votos, apontava irregularidades na renovação de contrato com uma empreiteira para a coleta de lixo. 

Desta vez, Amaro aponta irregularidades na contratação da Fundação de Apoio à Pesquisa e Cultura (Fapec) para a elaboração de um edital de concorrência pública para a licitação do lixo. O contrato foi considerado irregular pela Justiça. A prefeitura pagou R$ 170 mil pela elaboração do documento.


Valdecir Cremon