lesão corporal

Vendedor cobra rescisão após ser demitido e apanha de ex-patrão em Três Lagoas

Caso foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia Civil como lesão corporal dolosa

15/05/2019 09:40


Um vendedor, de 22 anos, procurou a 1ª Delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas para prestar queixa contra o antigo patrão, de 38 anos. Segundo ele, o motivo do registro do boletim de ocorrência se deve à agressão que sofreu após cobrar o acerto da rescisão trabalhista. O fato ocorreu em uma lanchonete no Centro da cidade nesta terça-feira (14).

De acordo com o boletim de ocorrência, o ex-funcionário foi demitido e aguardava há dias o recebimento da rescisão trabalhista. Decidiu cobrar o ex-gerente, mas foi atendido pelo ex-patrão. A conversa, segundo consta no BO, avançou para uma discussão e para troca de agressões.

A vítima foi agredida com socos e ficou com lesões na boca, cabeça e nariz deixando-o com forte sangramento e a roupa rasgada.

O caso foi registrado como lesão corporal dolosa.


Tatiane Simon