LUTO

Aos 69 anos, morre o aparecidense ‘Delfonso Barbeiro’

Ele faleceu na tarde de ontem (10), na fazenda em Costa Rica-MS

11/07/2019 11:11


De família tradicional, Idelfondo Lafaiete Martins, o “Delfonso Barbeiro”, atuou nesta profissão durante 49 anos em Aparecida do Taboado o que o tornou muito conhecido na cidade. Após se aposentar ele foi morar na zona rural em Costa Rica-MS, onde faleceu na tarde de ontem (10), por volta das 17:00 horas.

Amizades e carisma marcaram a vida dele. Bastante popular, Delfonso era filho do casal Sebastião Antônio Martins e Sebastiana Antunes da Silva. Nasceu no dia 23 de janeiro de 1950 em Aparecida do Taboado e é pai de três filhos do seu primeiro casamento com Mercedes: Tônis Marcos Queiroz Martins, Lister Marcos Queiroz Martins e Helen Cristina Martins de Queiroz. O seu segundo casamento foi com Maria de Fátima Martins, esposa que convivia até os dias atuais.

Aos dezoito anos de idade, incentivado pelo primo Clarindo Aleixo de Menezes, Idelfonso aprendeu o ofício de barbeiro. Desde então prosseguiu nesta profissão inaugurando a sua própria Barbearia na Rua Duque de Caxias.

No dia 10 de setembro de 2017, Idelfonso completou 49 anos de profissão como barbeiro e o dia 23 de dezembro do mesmo ano, ele escolheu como o seu último dia de trabalho nesta carreira.

Nestes 49 anos um outro profissional, o senhor José Cortez de Oliveira (José Bituca), trabalhou ao lado dele no mesmo estabelecimento, outros profissionais também passaram pelo local, mas não permaneceram.

A reportagem da Cultura FM procurou o seu Zé Bituca para contar um pouso dessa história. Emocionado pela morte do  companheiro, Zé Bituca lembrou de algumas passagens e momentos que marcaram essa convivência de quase meio século.

O Corpo está sendo velado na Funerária Nossa Senhora Auxiliadora (Rosa Mística) e o sepultamento está marcado para amanhã (12) às 08:00 horas (Brasilia) no cemitério municipal em Aparecida do Taboado-MS

Acompanhe abaixo a matéria completa


Nestor Junior