Coronavírus

Casos confirmados de Covid passam de 1 mil e prefeitura anuncia toque de recolher

Cidade registrou na segunda-feira oito casos positivos e chegou a 1.001 casos confirmados

01/12/2020 12:34


Paranaíba chegou na segunda-feira a marca dos 1.001 casos confirmados de Covid-19, desde o primeiro registro da doença no município, no dia 10 de abril. De lá pra cá o novo coronavírus já fez 22 vítimas fatais no município e tem preocupado autoridades de saúde, diante do consequente aumento de casos positivos e internações nas últimas semanas.

Conforme a última atualização epidemiológica, Paranaíba registrou oito novos casos positivos da doença, sete foram diagnosticados por meio de teste rápido e um via Swab.

O município tem ainda onze casos suspeitos aguardando resultado, além de seis pacientes internados por conta da covid-19, sendo cinco pacientes na UTI e um na ala respiratória.

Os leitos estão com 50% de ocupação, com cinco paranaibenses internados.

Paranaíba segue com grau alto de risco de contágio da covid-19 e está com a bandeira vermelha no Programa de Saúde e Segurança da Economia (Prosseguir).

“Temos percebido um grande aumento, principalmente desde o último dia 16. É muito preocupante essas novas confirmações. Sempre estamos lembrando que a pandemia não acabou e podemos comunicar que não é uma segunda onda”, salientou Débora Queiroz, Secretária de Saúde, na semana em que o município registrou um novo aumento de casos positivos .

TOQUE DE RECOLHER

Nesta terça-feira (01) foi anunciado pela prefeitura em sua página oficial a volta do toque de recolher no município, que deverá vigorar das 22h às 5h a partir da próxima sexta-feira. 

O toque de recolher havia sido implantado em Paranaíba no dia 21 de março como medida de coibir a circulação de pessoas e propagação do vírus, após o surgimento dos primeiros casos suspeitos na cidade, entretanto, novo decreto municipal Nº 721, publicado no dia 09 de novembro colocou fim a determinação, que valia das 23h às 5h.

"Por respeito a vida, à partir de sexta-feira (04), será implantado o toque de recolher das 22h até às 5h", diz a publicação.


Alex Santos