cassilândia

Raiva mata 100 animais no interior e acende alerta sanitário

Morcegos > Técnicos capturam animais para análise

23/01/2021 15:30


A Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), de Mato Grosso do Sul, registrou 9 casos de raiva bovina em Cassilândia e um em Paranaíba nos últimos dias ,com a morte de animais. 

Cassilândia apresentou nove focos de raiva bovina nas regiões da Serra do Faustino Vendrame sentido Árvore Grande (3), Ilha do Pescador, (1), fundo do Aeródromo Municipal (3), e no Distrito do Indaiá do Sul, próximo à Vila (2). 

Além dos focos, os municípios de Paraíso das Águas e Costa Rica registraram mais de 100 animais mortos com a doença. Mesmo não sendo obrigatória a vacinação, a agência recomendou aos produtores da região de Cassilândia quem façam a imunização no rebanho, por conta dos focos encontrados, destacando ainda a importância do reforço da dose 30 dias depois. O animal com a doença pode vir a óbito em 3 a 7 dias e a doença pode ser transmitida para os seres humanos. Caso haja contato com animal suspeito ou alguém seja agredido por morcegos, cães, gatos, é preciso procurar ajuda médica.


Isabelly Melo