Bastidores

Vereadora tem sido chamada de xerife da cidade

Leia essa e outras notas sobre os bastidores político na Coluna Observatório

14/04/2021 14:25


XERIFE

Nesta semana, mais uma vez, a vereadora de Três Lagoas, Sayuri Baez, teve o nome envolvido em polêmica. Ela foi acusada de agressão verbal contra uma funcionária da equipe de Fiscalização do “De olho no Coronavírus”, durante um trabalho de fiscalização para o cumprimento do toque de recolher. Um boletim de ocorrência foi registrado contra a parlamentar, que teria, inclusive, segurado no braço da fiscal. Além desse fato, recentemente a vereadora também foi acusada de invadir e filmar pacientes na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Sayuri já está sendo chamada de xerife da cidade.

ALTERADA

Na sessão desta quarta-feira (14), Sayuri mais uma vez se mostrou descontrolada ao usar a palavra. A vereadora começou sua fala já exaltada, dizendo que tinha vontade de xingar. A parlamentar estava indignada com uma obra para a instalação de um laboratório para exames da Covid que estaria parada no campus 2 da UFMS.

INDIGNAÇÃO

Também indignado estava o vereador Breno César. Ele considerou um absurdo a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Sejuvel), ter funcionando normalmente no dia da morte da ex- funcionária da pasta e ex- jogadora de basquete da seleção Brasileira, Ruth Roberta de Souza.

RECONHECIMENTO

E por falar em Ruth, ela recebeu inúmeras homenagens. A morte da campeã mundial de basquete foi noticiada nos principais veículos de comunicação do Brasil, tamanha a relevância da jogadora que foi.

HOMENAGEM

No Plenário virtual, a senadora Simone Tebet (MDB-MS) lamentou a morte por covid da ex-jogadora de basquete Ruth de Souza, aos 52 anos de idade, nesta terça-feira (13). Ela apresentou voto de pesar pelo falecimento da atleta.


Da redação