Três Lagoas

A camareira Lucimar vence reality após 61 horas de resistência

Assim que desceu da moto vencedora agradeceu a Deus e abraçou o filho

24/12/2015 09:43


Chegou ao fim o reality show “Essa Yamaha É Minha” após 61 horas de competição.  A camareira Lucimar Soares Brito, de 32 anos, foi a grande vencedora.  Ela resistiu desde às 17h50, de segunda-feira (21) em cima de uma moto.

A prova acabou às 6 horas 46 minutos e 57 segundos, quando o outro finalista Fábio Lima dos Santos, de 27 anos tocou o pé no chão.  Os fiscais da prova presenciaram o momento que o operador de máquinas descumpriu uma das regras do regulamento, e comunicaram a direção de prova.

A decisão foi tomada depois que os fiscais e organizadores do evento confirmaram nas imagens do circuito de segurança instalado no stand, que o participante relou no chão quando foi mudar de posição, em cima da moto.

Os fiscais foram conversar com Fábio, que visivelmente abatido e com muito sono, já estava debilitado, não conseguia se expressar corretamente.

De acordo com  Fernando Moraes, coordenador artístico do Grupo RCN, e um dos organizador do reality, a decisão foi tomada por um consenso de todos, “As imagens são claras, não tem como contestar a cena, e os fiscais presenciaram o momento”, explicou Fernando.

VENCEDORA

A primeira ação de Lucimar quando desceu da moto foi agradecer a Deus pela vitória e, abraçar o filho de oito anos. A camareira estava consciente e bem forte, disse que aguentaria mais horas.

Em entrevista ao JPNews a vencedora comentou que foi não fácil resistir por 61 horas, “ Várias vezes pensei em desistir, mas tirei força de dentro e continuei na  competição".

O incentivo do filho da camareira também serviu de força e estímulo, confessou, “quando ouvia meu filho gritando para eu ficar e ganhar o reality me sentia mais forte. Com certeza me ajudou bastante”.

A camareira que não era considerada uma das favoritas para a vitória, deixou para traz vários competidores fortes, entre eles um segurança e um atleta. Assim que terminou a prova e as comemorações Lucimar foi encaminhada para o hospital, para uma avaliação médica.

 


Redação