Economia

Governo de MS reduz valor base do feijão para imposto

Os novos valores passam a vigorar a partir desta quinta-feira (14) e a maior redução do Valor Real Pesquisado (VRP) para tributação foi do carioquinha

13/07/2016 12:52


Após alta de 41,78% no preço do feijão, como apontado pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, no mês de junho, o governo de Mato Grosso do Sul reduziu o valor de referência para a tributação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

A redução do Valor Real Pesquisado (VRP) foi por meio da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz), em portaria publicada na edição desta quarta-feira (13), do Diário Oficial do estado. A publicação traz uma tabela com as alterações de valores para o feijão carioquinha e para o feijão preto.

De acordo com o governo, os novos valores passam a vigorar a partir desta quinta-feira (14). Pela tabela, a maior redução do VRP para tributação do feijão foi do tipo mais popular, o carioquinha. O valor de referência para a cobrança do ICMS passou a ser de R$ 5,34. A saca de 60 quilos do grão vai custar R$ 320,40.

Já o VRP do quilo do feijão carioquinha tipo 2, foi reduzido para R$ 4,09. O quilo do feijão preto para R$ 3,35 e o do quilo do feijão preto tipo 2 para R$ 2,33. A saca de 60 quilos do grão será no valor de R$ 201. 


Kelly Martins