Rádios On-line

Adolescente confessa ter matado namorada e diz que estava sob efeito de drogas

Achei que tinha tirado todas as balas do revólver, apontei para ela, disse o menor na delegacia

26 FEV 2013 - 12h:54Por Redação

Eu estava chapado, achei que tinha tirado todas as balas do revólver, apontei para ela e comecei a puxar o gatilho. De repente, disparou. Esta foi a explicação do adolescente de 15 anos para a morte da namorada, Cintia Ribeiro de Queiroz, de 20 anos. A jovem foi atingida por tiro no olho no último domingo, em Naviraí (MS).

Após o crime, o menor jogou a arma dentro da fossa do quintal de sua casa e fugiu. Na tarde de ontem, policiais da Delegacia de Atendimento a Mulher conseguiram resgatara a arma do crime, um revólver calibre 38 com uma munição deflagrada.

Ele foi apreendido em flagrante e ficará em uma cela da delegacia até ser providenciada uma vaga em alguma Unidades Educacional de Internação (Unei) do Estado.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13