Rádios On-line

Conselho do Negro realiza reunião para discutir Conferência da Igualdade Racial

O prazo para a realização das conferências estaduais e do DF é até 18 de agosto

21 FEV 2013 - 18h:45Por Redação

O Conselho Estadual dos Direitos do Negro de Mato Grosso do Sul (Cedine/MS) realiza nesta sexta-feira (22) sua 1ª Reunião Ordinária deste ano, para discutir pauta sobre: a realização da III Conferência Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Conapir); Oficinas dos projetos do Ministério da Cultura; cronograma de visita às comunidades quilombolas e ainda sobre a eleição presidência do Cedine - mandato governamental março/2013.

 
O evento que acontece às 8h30, na Casa da Assistência e da Cidadania (Casc), na Capital, conta com a presença da coordenadora especial de Políticas para a Promoção da Igualdade Racial de Mato Grosso do Sul (Cppir/MS), Raimunda Luzia de Brito, do presidente Cedine/MS, Artur Padilha e demais integrantes do Conselho.
 
O Conselho Estadual dos Direitos do Negro é vinculado à Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas), e tem como competência propor, elaborar, fiscalizar e apoiar as Políticas Públicas de Ação Afirmativa e Reparação destinadas à população afrodescendente do Estado. E ainda propor ato e ações sociais, bem como elaborar projetos, fiscalizar as ações sociais do governo frente à população negra.
 
III Conapir 
A III Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial acontecerá em Brasília (DF), no final do mês de outubro de 2013, e reunirá representantes de todo o País ligados à temática. O prazo para a realização das conferências estaduais e do DF é até 18 de agosto. Segundo Artur Padinha, na reunião do Cedine, a meta é discutir assuntos sobre a realização da Conferência Estadual de Políticas de Promoção da Igualdade Racial. “Nossa convocação é para realizar o evento em agosto. Portanto, nossa pauta é para tratar sobre a III Conapir e também vamos discutir um caso sobre o Boletim de Ocorrência de racismo no Estado”, afirmou Padilha.
 
Projetos 
Quatro dos cinco editais para o fomento à produção cultural negra lançados em novembro passado pelo Ministério da Cultura (Minc) em parceria com a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) tiveram o prazo de inscrição prorrogado para o dia 25 de março, aumentando a chance de artistas, estudantes, escritores e produtores negros transformarem sonhos em realidade.  

Ficam abertos até o dia 25 de março os editais: Curta-Afirmativo, de apoio a produções audiovisuais e Funarte de Arte Negra, para projetos nas áreas de artes visuais, circo, dança, música, teatro e preservação da memória. Outras informações sobre os projetos do Minc estão no site www.igualdaderacial.ms.gov.br .

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13