Rádios On-line
REGIÃO

Costa Leste representa mais de 18% dos casos de dengue em MS

Região, que abrange 12 municípios, foi 'responsável' por 386 dos 2.116 casos da doença registrados no estado em 2017

4 ABR 2017 - 14h:52Por Jonas Turolla

Mais de 18% dos casos de dengue registrados no Mato Grosso do Sul, em 2017, foram notificados na Costa Leste do estado. Segundo os últimos dados da Secretaria Estadual de Saúde, a região - que abrange os municípios de Três Lagoas, Cassilândia, Brasilândia, Bataguassu, Aparecida do Taboado, Paranaíba, Costa Rica, Selvíria, Inocência, Água Clara, Santa Rita do Pardo e Chapadão do Sul - foi 'responsável' por 386 dos 2.116 casos da doença registrados no estado.

Destes municípios, Água Clara é o único da Costa Leste que está com alta incidência de dengue. Dos quase 14 mil habitantes, 42 tiveram a doença em 2017, o que coloca a cidade entre as quatro 'piores' no ranking de incidência. O melhor município da região no ranking é Selvíria (65º), que registrou apenas um caso neste ano.

Ainda de acordo com os números divulgados, houve uma 'explosão' da doença nos meses de fevereiro e março. Para se ter uma ideia, dos 386 casos de dengue notificados na região até agora, 311 foram registrados entre os dias 4 de fevereiro e dia 25 de março. Vale ressaltar que, das 2.116 notificações, apenas uma, em Camapuã, resultou em morte. Clique aqui para ver o último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde.

Deixe seu Comentário