Rádios On-line

Estado terá que pagar tratamento de R$ 216 mil para mulher com câncer de mama

A juíza da Comarca de Fátima do Sul decidiu a favor da idosa após pedido do defensor público

31 JAN 2013 - 12h:24Por Redação
O Estado de Mato Grosso do Sul foi obrigado pela Justiça a fornecer a uma mulher de 62 anos a medicação necessária para o tratamento de câncer de mama, que tem o custo de R$ 216 mil.

A decisão da juíza da 2ª. Vara da comarca de Fátima do Sul, Ana Carolina Fará Borges da Silva, que concedeu tutela antecipada na Ação de Obrigação de Fazer, proposta pela Defensoria Pública da comarca, determina que o Estado forneça o medicamento Herceptin no prazo de 48 horas sob pena de multa diária.

Quem ingressou com a medida foi o defensor Público Reginaldo Marinho da Silva. O medicamento deverá ser ministrado, conforme orientação médica, a cada 21 dias, durante um ano. Cada aplicação tem o custo de aproximadamente R$ 12,5 mil nas farmácias particulares. 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13