Rádios On-line

Governador assina hoje edital com 1.200 vagas para concurso do magistério

Foram autorizadas pelo Executivo estadual 1.200 vagas.

28 FEV 2013 - 11h:06Por Redação

Em solenidade com a participação do governador André Puccinelli, o governo do Estado, por meio das Secretarias de Educação (SED) e de Administração (SAD), junto à Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul (Fetems), realiza ato de assinatura do edital do concurso para professores da Rede Estadual de Ensino neste dia 28, na sede da Fetems, às 19h30.

 Foram autorizadas pelo Executivo estadual 1.200 vagas. De acordo com a secretária de Estado de Administração, Thie Higuchi, após a assinatura, o governo publicará o edital com todas as informações. “O edital terá todas as informações sobre as vagas, disciplinas, datas e locais das provas. Neste concurso as provas serão realizadas nos municípios de Campo Grande, Três Lagoas, Naviraí e Dourados. Os candidatos devem observar os locais da prova e escolher os municípios com as vagas a que pretende concorrer”, afirmou a secretária estadual de Administração.

 A realização do concurso público para professores da Rede Estadual de Ensino é o último ponto do Pacto de Valorização da Educação Pública, firmado entre a Fetems e o governo do Estado, no mês de outubro de 2012 (foto), de acordo com o presidente da Federação, Roberto Magno Botareli Cesar: “o acordo firmado possibilitou inúmeros avanços para a categoria. Avançamos nas conquistas e vamos continuar lutando para conseguirmos mais melhoras para a carreira dos trabalhadores em educação e para a qualidade do ensino público”, ressaltou o diretor da Fetems.

Conforme explicou o presidente da Federação, após a publicação do edital, a entidade já começará a debater com a Secretaria Estadual de Educação a realização do concurso dos funcionários administrativos em educação. “É necessário um tempo para a organização dos novos administrativos nas escolas, para que a Secretaria saiba quantas vagas ainda necessitam para realização de um novo concurso”, disse Roberto.

O governo tem convocado os funcionários que haviam passado no concurso realizado em dezembro de 2011. A última dessas convocações foi publicada no Diário Oficial do dia 15 de fevereiro e chamou 48 administrativos para a posse.

 Roberto Botareli disse que este ano a prova do concurso será regionalizada, não somente em Campo Grande como nos concursos anteriores. “Essa é uma das principais solicitações da categoria, pois isso facilita muito o acesso ao concurso, portanto reivindicamos e conseguimos que a prova seja realizada além de Campo Grande, em Dourados, Naviraí e Três Lagoas”, disse em reunião realizada no dia 18 deste mês, com o governador André Puccinelli.                                                                               

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13