Rádios On-line
8992

Governo do MS assina termos beneficiando programa de inclusão digital

Inicialmente 50 Centros de Inclusão Digital foram implantados em 45 municípios do Estado, sendo que destes, 31 são de responsabilidade da Secretaria de Estado de Educação

19 JAN 2009 - 07h:36Por Redação

O governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação (SED), realiza hoje (19), às 10 horas, no Centro de Educação Profissional Ezequiel Ferreira Lima (Cepef), a assinatura dos Termos de Cessão de Uso dos equipamentos e mobiliários dos Centros de Aprendizagem e Aperfeiçoamento Tecnológico do programa Inclusão Digital.

Inicialmente 50 Centros de Inclusão Digital foram implantados em 45 municípios do Estado, sendo que destes, 31 são de responsabilidade da Secretaria de Estado de Educação, instalados em escolas estaduais, e os outros 19 em parceria com prefeituras municipais e/ou outras instituições as quais ficaram responsáveis pelos trabalhos a serem desenvolvidos nos mesmos.

Com o rendimento da aplicação financeira dos recursos, foram adquiridos equipamentos e mobiliários para mais quatro novos centros: um em Paranaíba, um em Fátima do Sul, um em Corumbá e um em Dourados, totalizando 54 Centros de Inclusão Digital em 47 municípios de Mato Grosso do Sul.

O governo espera que, ao fim de dois anos de implantação do Projeto, 16.200 pessoas das comunidades atendidas tenham sido qualificadas e pelo menos 70% estejam atuando de maneira eficaz no mercado de trabalho.

Os Centros de Inclusão Digital foram denominados Centro de Aprendizagem e Aperfeiçoamento Tecnológico – CAAT e tem o objetivo de favorecer o processo de inclusão social por meio da Inclusão Digital e da qualificação profissional com vistas a elevar o nível de bem estar social de maneira sustentável e a qualidade de vida dos membros da comunidade local, no contexto da sociedade do conhecimento.

Operacionalização

A operacionalização dos Centros se dará com o desenvolvimento de Cursos de Qualificação Profissional em Informática Básica e Avançada, de Cursos Profissionalizantes em Gestão de Recursos Humanos e outras ações pedagógicas que serão introduzidas de acordo com a demanda e vocação dos Municípios.

A Secretaria de Estado de Educação fará o acompanhamento pedagógico dessas ações, propondo alternativas de superação de eventuais problemas e o acompanhamento dos egressos com vistas a avaliar a eficácia das ações a partir das suas inserções no mercado de trabalho.

Histórico

O Projeto Centros de Inclusão Digital no Estado de Mato Grosso do Sul surgiu a partir de uma emenda parlamentar de autoria do deputado federal Antonio Carlos Biffi, no ano de 2005. O referido projeto foi adequado segundo orientações Ministério da Ciência e Tecnologia e aprovado no ano de 2006.

 

Em dezembro de 2006 o Ministério da Ciência e Tecnologia, representado pela Caixa Econômica Federal, firmou contrato de repasse financeiro com a Secretaria de Estado de Educação para execução do projeto. O plano de trabalho previa a liberação dos recursos para dezembro de 2006, porém os mesmos só foram liberados no ano de 2008.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13