Rádios On-line

Levantamento mostra risco de epidemia de dengue em Paranaíba

No período foram registrados 151 casos notificados pela coordenadoria de vetores

14 JAN 2016 - 14h:15Por Roberto Chamorro

O primeiro Levantamento Rápido de Índice para Aedes Aegypti (LIRAa) realizado em Paranaíba, de 4 de janeiro até esta quarta-feira (14), mostra índices preocupantes e aponta a possibilidade de nova epidemia de dengue no município. No período foram registrados, 151 casos da doença notificados pela Coordenadoria de Vetores, ligada à Secretaria Municipal de Saude. “É um número endêmico, que mostra a quantidade de pessoas com sintomas suspeitos ”, admite Ymara Lucia Zanin Palcheti, coordenadora do Controle de Vetores.

 O Lira é o mapeamento dos índices de infestação do mosquito Aedes aegypti, que identifica os bairros onde estão concentrados os focos de reprodução de mosquitos transmissor das doenças. Atualmente, em Paranaíba, 23 agentes fazem diariamente a média de 25 visitas, totalizando em média 570 imóveis, visitados em cada ciclo de dois meses.

De acordo com os números coletados, os bairros como Daniel 5, Santa Eliza, Jardim Redentora e Santo Antônio apresentam elevados índices de infestação com mais de 10%, considerado de risco, conforme o Ministério da Saúde.

“Estamos no vermelho”, alerta a coordenadora, ao apontar o lixo doméstico como grande deposita dos criadouros. Ymara chama atenção para a possibilidade de que o vírus zika e o chickungunha também estejam circulando na região, em função da incidência de pessoas com sintomas do vírus.  Ela pede maior colaboração da população para que cuidem de suas residências e também do comércio, em especial, das borracharias, para que deem destinação apropriada ao lixo.

Deixe seu Comentário