Rádios On-line
LEVANTAMENTO

Mato Grosso do Sul tem 45 mil crianças em situação de trabalho infantil, diz estudo

Levantamento feito pela Fundação Abrinq apontou ainda que mais de 1,3 mil crianças, de 5 a 9 anos, entraram em situação de trabalho infantil, entre 2013 a 2015.

21 MAR 2017 - 11h:32Por Jonas Turolla

Mais de 45 mil crianças e adolescentes (entre 5 e 17 anos) são vítimas de trabalho infantil no Mato Grosso do Sul, segundo levantamento feito pela Fundação Abrinq, organização sem fins lucrativos que promove a defesa dos direitos da criança e do adolescente. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (21). No Brasil, são mais de 2,6 milhões nesta condição.

Ainda de acordo com a pesquisa, de 2013 a 2015, mais de 1,3 mil crianças, de 5 a 9 anos, entraram em situação de trabalho infantil, no Mato Grosso do Sul. Em contrapartida, na comparação entre os anos de 2014 e 2015, houve uma redução de 6,8 mil crianças e adolescentes, na faixa de 10 a 17 anos, nesta condição. Os números são do Pnad 2015. 

Dentre as regiões, a Nordeste e a Sudeste são as que concentram o maior número de crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil, sendo que, proporcionalmente, a Região Sul lidera a concentração desse público nesta condição.

A compilação reúne os dados mais recentes no tema, disponibilizados em órgãos como IBGE, Ministério da Saúde, Ministério da Educação, Disque Denúncia, entre outros.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13